fbpx Skip to main content

Saiba como usar uma newsletter para promover o seu negócio via e-mail de forma autêntica e que gere conexão com o seu público-alvo.

A internet nos abriu um universo de possibilidades de entretenimento e interação social. São vários os streamings para assistir a séries e filmes, ouvir músicas e podcasts, sem falar nos aplicativos de redes sociais que usamos por horas e horas, como o TikTok e o Pinterest.

Em busca de promover e vender seus produtos e serviços, as empresas se fazem cada vez mais presentes na internet para interagir com o seu público-alvo e clientes em potencial. No entanto, atrair e manter a atenção das pessoas na web (mesmo que por poucos segundos) é um grande desafio em meio à grande quantidade e variedade de estímulos e possibilidades do mundo digital.

É nesse momento que um velho conhecido dá as caras para ajudar negócios a contatarem clientes sem terem que travar uma disputa feroz pela atenção deles em redes sociais: o e-mail. Muito utilizados em campanhas de e-mail marketing, os e-mails têm sido cada vez mais usados como canal de contato em um outro formato de conteúdo não tão explicitamente comercial quanto o e-mail marketing: a newsletter.

Neste artigo, a Agência de Marketing Digital Tupiniquim vai te mostrar o que é uma newsletter e como ela pode ser uma poderosa ferramenta para criar e aprofundar um relacionamento de confiança com assinantes e potenciais clientes por meio de um conteúdo mais autêntico e envolvente, além de te dar dicas para você criar uma newsletter para a sua marca.

O que você vai ler sobre Newsletter:

O que é uma newsletter?

Uma newsletter (também chamada de boletim informativo) é uma forma de contato via e-mail para compartilhar informações relevantes e valiosas com clientes e prospects regularmente. Com uma newsletter, você tem acesso às caixas de entrada dos e-mails dos assinantes e pode enviar conteúdo que gere engajamento, divulgar produtos ou serviços, aumentar o tráfego orgânico do site do seu negócio etc.

Dessa forma, a sua empresa consegue manter um contato regular com clientes reais e potenciais por meio de e-mails contendo textos e imagens sobre lançamentos, novidades e outros assuntos relacionados ao negócio e ao mercado de atuação da marca. Diferente de campanhas de automação (que geralmente entregam apenas uma quantidade limitada de e-mails), uma newsletter foca em entregar conteúdo frequente.

Por que criar uma newsletter para divulgar a sua marca?

Um dos maiores desafios e objetivos de negócios na internet é fazer com que as pessoas conheçam suas marcas e, principalmente, lembrem-se delas no momento de fazer compras. Isso exige contato e interação frequente com potenciais clientes na internet.

Nesse sentido, criar uma newsletter é uma excelente forma de manter contato regular e de qualidade com os assinantes (que podem se tornarem clientes) e aumentar o brand awareness (ou reconhecimento da marca).

Além disso, os acessos de assinantes da newsletter podem gerar um aumento do tráfego orgânico do site, blog, landing page ou e-commerce do seu negócio por meio da inclusão de links no corpo dos e-mails, impulsionando, assim, o número de visitantes de outros endereços da marca na internet.

Uma outra grande vantagem de uma newsletter é que os leitores se inscrevem espontaneamente para receber os e-mails. Isso significa que essas pessoas estão realmente interessadas em saber mais sobre os produtos, serviços e novidades do seu negócio, ou seja, podem ser consideradas leads qualificados (com grande potencial para consumir algo da sua empresa).

Outra questão relevante é que a competição pela atenção das pessoas em suas caixas de entrada de e-mail é menor quando comparada à grande quantidade de estímulos e distrações em redes sociais, que estão sempre sugerindo novos conteúdos a serem consumidos.

Portanto, uma newsletter é uma forma de contato eficiente, com maiores chances de ter seu conteúdo consumido por completo e de conseguir promover e consolidar um relacionamento profundo entre a sua empresa e clientes em potencial.

Como criar uma newsletter?

A expectativa de quem assina uma newsletter é a de receber conteúdo interessante e valioso e com regularidade na sua caixa de entrada. Abaixo, vamos te mostrar um passo a passo geral para você começar a estruturar o desenvolvimento e o planejamento da newsletter da sua empresa:

1. Defina um calendário editorial

Decida quais temas serão abordados pela newsletter e com qual objetivo. Você pode, por exemplo, falar sobre tendências e novidades do mercado de atuação da sua empresa e de soluções para resolver problemas do seu público-alvo. Estabeleça também a frequência de envio (o mais comum é uma frequência semanal) e o nome da newsletter.

2. Escolha uma plataforma

É essencial contar com os recursos e ferramentas disponibilizadas por plataformas de criação, edição e disparo de e-mails para te ajudar a criar um template (ou modelo) para a identidade visual da sua newsletter e garantir a entrega do conteúdo dela na caixa de entrada dos e-mails dos assinantes. Para te ajudar nessa missão, sugerimos que você considere o WordPress, que é um dos sistemas de gerenciamento de conteúdo mais famosos e intuitivos da atualidade.

3. Crie o conteúdo

Use títulos chamativos no assunto de cada e-mail da newsletter e elabore parágrafos que prendam a atenção dos leitores. Para isso, você pode usar as técnicas de copywriting, que te ajudarão a escrever de forma mais envolvente e persuasiva. O ideal é usar uma linguagem que fique no meio termo entre a formalidade e a descontração de um bate-papo para que você tenha mais chances de gerar uma conexão com o público.

4. Divulgue a newsletter

De nada adianta ter uma newsletter com conteúdo caprichado se não houver quem o leia, certo? Por isso, você precisa divulgar que a sua empresa tem uma newsletter para conseguir assinantes e leitores. Para isso, insira links para o formulário de inscrição no site e nos perfis da empresa em redes sociais.

5. Monitore as métricas

Avaliar o desempenho da newsletter da sua marca é essencial porque permite que você faça os ajustes necessários para maximizar o volume de assinaturas e o consumo do conteúdo (além, é claro, de melhorar a taxa de ROI (retorno sobre o investimento). As principais métricas analisadas em relação a uma newsletter são a taxa de entrega e a taxa de abertura dos e-mails.

3 plataformas para monetizar assinaturas de newsletters

Você sabia que as newsletters são tão populares atualmente que já existem até planos de assinatura em que os leitores pagam para recebê-las? Pois é! Algumas newsletters alcançam tanta autoridade entre seu público-alvo que os assinantes não pensam 2 vezes antes de colocarem a mão no bolso para continuar recebendo um conteúdo interessante.

Por isso, vamos te apresentar 3 plataformas que permitem cobrar pelo envio de newsletters exclusivas para assinantes e lucrar com esse tipo de conteúdo.

1. Substack

Substack é uma plataforma que oferece recursos para publicar, pagar, analisar e desenvolver newsletters por assinatura. Lançada em 2017, a ferramenta permite que escritores e podcasters publiquem suas criações diretamente para a audiência por meio de assinaturas pagas e com total controle editorial sobre o conteúdo.

2. Beehiv

A Beehiv é uma plataforma que conta com soluções integradas para newsletters como a possibilidade de enviar conteúdos personalizados, recursos para escalar a quantidade de leitores por meio de indicações e compartilhamentos, além da opção de monetizar os textos para garantir uma receita recorrente com as assinaturas.

3. Patreon

Bastante popular entre criadores de conteúdo, a plataforma Patreon possui um aplicativo para Android e iOS e permite que os assinantes paguem pelo conteúdo da sua newsletter com cartão de crédito ou PayPal, além de possibilitar que os autores das newsletters elaborem uma lista de contatos de acordo com os tipos de assinatura.

5 exemplos de newsletters para você se inspirar

Atualmente, muitos criadores de conteúdo e marcas já perceberam a grande fonte de oportunidades e possibilidades de criar um relacionamento com o público que uma newsletter oferece.

O número de newsletters sendo criadas aumenta a cada dia e, para você pegar o jeito de como criar um conteúdo via e-mail que receba a atenção e o engajamento da audiência, vamos te mostrar 5 exemplos de newsletters. Aproveite para pegar referências para criar a newsletter da sua marca.

1. Bits to Brands

Enviando conteúdo desde 2018, essa newsletter foca em temas relacionados às tendências de tecnologia e comportamento para marcas, tendo uma base de mais de 15 mil assinantes. A curadoria da Bits to Brands busca entender e compartilhar ideias sobre o futuro como resultado da interação entre as marcas e a tecnologia.

2. Associação dos Sem Carisma

Criada pela influenciadora digital Camila Fremder, a newsletter Associação dos Sem Carisma é um grande exemplo de como essa forma de comunicação via e-mail pode gerar uma verdadeira comunidade de fãs. Já são mais de 140 edições que ensinam de forma muito bem-humorada a lidar com situações que drenam nossa energia e carisma na vida pessoal e profissional.

3. Nubank

O conteúdo exclusivo entregue pela newsletter do Nubank promete te ajudar a controlar a sua vida financeira e a lidar melhor com o seu dinheiro. Quem não quer isso, não é mesmo? Não é à toa que a newsletter do banco digital já superou a marca de 1 milhão de assinantes. O sucesso deu origem ainda a uma newsletter em áudio, a Semanada.

4. The Beat

The Beat é a newsletter oficial da Rock Content, agência especializada em marketing de conteúdo, e oferece semanalmente aos seus leitores as novidades e as tendências do mercado de marketing por meio de temas como inovação, empreendedorismo e estratégias para melhorar os resultados de marcas.

5. Endeavor

Toda segunda-feira, os assinantes da newsletter da Endeavor recebem em suas caixas de entrada uma curadoria de conteúdos feitos por e para empreendedores sobre os principais desafios de quem decide criar e gerenciar seu próprio negócio. O objetivo da newsletter é compartilhar os caminhos percorridos por quem empreende e mostrar que os erros fazem parte da jornada de crescimento.

3 plugins de WordPress para newsletters

O WordPress é um sistema de gerenciamento de conteúdo (CMS) bastante usado em todo o mundo por ser uma plataforma bastante amigável aos usuários e que não exige grandes conhecimentos técnicos para que alguém desenvolva um site, blog ou uma newsletter.

Aqui na Tupiniquim, por exemplo, usamos o WordPress para desenvolver sites próprios para que nossos clientes tenham um endereço permanente na internet e possam ser encontrados no Google 24 horas por dia.

Para te convencer da grande usabilidade dessa ferramenta, separamos 3 dicas de plugins do WordPress para criar e gerenciar uma newsletter.

1. Plugin Newsletter

Esse plugin foi desenvolvido pelo WordPress para te auxiliar no processo de criação de uma newsletter. Entre as funções disponíveis estão a edição do conteúdo dos e-mails, o envio de uma quantidade ilimitada de newsletters e notificações sobre novidades aos assinantes. O melhor é que esses e outros recursos são oferecidos na versão gratuita do plugin.

2. Mailchimp para WordPress

Essa integração entre Mailchimp e WordPress permite que você envie sua newsletter para uma lista de contatos com até 2000 assinantes de forma gratuita. Esse plugin também facilita as assinaturas de leitores da sua newsletter por meio de formulários de inscrição que são amigáveis aos usuários.

3. Icegram

Com foco em criar formulários e botões de chamada para ação (CTA), esse plugin do WordPress é bastante intuitivo e possui recursos grátis. No entanto, se você quiser investir no plano pago, você poderá realizar, por exemplo, testes A/B para comparar o desempenho das estratégias desenvolvidas e colocadas em prática na sua newsletter.

Crie uma newsletter e se aproxime do seu público-alvo!

Neste artigo, apresentamos a newsletter como uma excelente forma de fugir da concorrência pela atenção dos leads em redes sociais. Com textos autênticos, as newsletters têm sido cada vez mais assinadas por pessoas em busca de conteúdo sobre os seus interesses pessoais e profissionais.

Quando você cria uma newsletter, você estreita o relacionamento com os assinantes e entrega um conteúdo de valor que pode, inclusive, levá-los a pagarem pelos boletins informativos do seu negócio ou a se tornarem consumidores dos produtos ou serviços da sua empresa.

A Agência Tupiniquim sabe da importância da criação de conteúdo valioso e útil para interagir com prospects que já estão cansados de propagandas explícitas e que só objetivam a conversão de vendas. As pessoas querem conteúdo que as ajudem com seus problemas e que tragam soluções.

Por isso, contamos com uma equipe especializada em produzir conteúdo que gere engajamento e que faça as pessoas sentirem confiança no que a sua empresa diz e faz.

Entre em contato conosco para criarmos juntos uma estratégia eficiente de marketing digital para divulgar o seu negócio!

Se você achou este post interessante, compartilhe o link com outras pessoas que também querem criar um relacionamento com clientes na internet!

Dúvidas Frequentes

O que é uma newsletter?

Uma newsletter (também chamada de boletim informativo) é uma forma de contato via e-mail para compartilhar informações relevantes e valiosas com clientes e prospects regularmente.

Quais são os exemplos de newsletters?

  1. Bits to Brands;
  2. Associação dos Sem Carisma;
  3. Nubank;
  4. The Beat;
  5. Endeavor.

Web Stories:

Newsletter

Cadastre-se e receba novidades e conteúdos relevantes sobre marketing digital e vendas!
1 Step 1
reCaptcha v3
keyboard_arrow_leftPrevious
Nextkeyboard_arrow_right
FormCraft - WordPress form builder

Solicite seu diagnóstico gratuito com nossos especialistas!

1 Step 1
reCaptcha v3
keyboard_arrow_leftPrevious
Nextkeyboard_arrow_right
FormCraft - WordPress form builder

Solicite seu diagnóstico gratuito com nossos especialistas!

1 Step 1
reCaptcha v3
keyboard_arrow_leftPrevious
Nextkeyboard_arrow_right
FormCraft - WordPress form builder
4 cases de Branding criados pela Tupiniquim 4 benefícios do Google Ads para advogados 5 dicas de como usar o Google Ads para advogados 4 estratégias para aplicar os Gatilhos Mentais 4 benefícios das métricas de redes sociais 5 exemplos de métricas de redes sociais 5 curiosidades sobre Gatilhos Mentais 4 sites em WordPress criados pela Agência Tupiniquim 5 vantagens de um site em WordPress 5 exemplos de storytelling 5 tipos de storytelling 4 benefícios do storytelling 3 exemplos de Rebranding 5 fatores que justificam o Rebranding 5 benefícios do Rebranding Mídia Kit para as 3 principais redes sociais 6 passos para criar um Mídia Kit 5 motivos para criar um Mídia Kit 5 motivos para fazer um curso de vendas 3 Dicas para escolher o melhor curso de vendas