fbpx

Marketing de Conteúdo e SEO são duas estratégias que andam juntas. Entenda a importância dessa união e como produzir conteúdo para SEO.

Você talvez já tenha lido sobre SEO (Search Engine Optimization) e Marketing de Conteúdo separadamente, quase como se fossem duas estratégias diferentes e opostas uma à outra.

É bem verdade que cada uma delas possui suas particularidades e conceitos, mas o que muitos não sabem é que Marketing de Conteúdo e SEO são estratégias complementares e que praticamente perdem sentido quando usadas de forma isolada.

Mas como isso acontece? E como fazer Marketing de Conteúdo para SEO? É o que você vai aprender neste artigo, em que vamos destrinchar as duas estratégias e dar dicas essenciais para você unir as duas e produzir conteúdos de alta qualidade.

O que você vai ler sobre Marketing de Conteúdo e SEO:

O que é SEO?

SEO, também chamado em português de Otimização para os Motores de Busca, é um conjunto de técnicas cuja premissa básica é garantir que sites, páginas e conteúdos sejam facilmente encontrados pelo público-alvo que elas desejam alcançar.

Um dos grandes benefícios de se utilizar eficazmente as técnicas de SEO está na geração de tráfego orgânico. Esse tipo de tráfego não envolve gastos com plataformas de anúncios pagos, tais como o Google Ads.

Por conta disso, os resultados desse tipo de estratégia levam mais tempo para serem percebidos. Mas desde que bem implementado, o SEO pode possibilitar resultados constantes.

Ao contrário do que muitas pessoas pensam, SEO não é somente utilização estratégica de palavras-chave. Esse conjunto de técnicas engloba também os chamados elementos On-Page e Off-Page, que contribuem para a otimização de sites.

Os elementos On-Page são todos aqueles que podemos controlar, pois fazem parte da construção do site. Componentes interativos, programação, imagens otimizadas, links externos e internos, carregamento das páginas e responsividade do site são alguns exemplos desses elementos On-Page que você deve se atentar.

Já com os elementos Off-Page, a situação sai do nosso controle, pois se tratam de ações que ocorrem fora do site, como ser citado por sites de terceiros, por exemplo. Quanto mais você é referenciado por outras pessoas, mais os buscadores entendem a relevância do seu conteúdo, garantindo melhores posições para o seu site nas páginas de busca.

Por fim, SEO também inclui conteúdo, que deve ser pensado e realizado não somente para os motores de busca, mas principalmente para as pessoas usuárias. Aqui entram o uso de palavras-chave, pesquisa de tendências e comportamento da persona da sua marca.

O que é Marketing de Conteúdo?

Marketing de Conteúdo é uma estratégia de Inbound Marketing, uma metodologia que surgiu em 2004, focada em trazer o público consumidor para o plano central das ações de vendas.

Pautada em três estratégias fundamentais (atrair, engajar e encantar), o Inbound Marketing tem como objetivo oferecer não somente produtos ou serviços, mas soluções e benefícios para as pessoas.

Através da criação de conteúdo informativo e de valor, as empresas passam a se comunicar de uma forma mais próxima com a sua audiência, favorecendo um relacionamento de confiança e de longa duração entre marca e consumidor.

O Marketing de Conteúdo, então, é uma estratégia que usa o conteúdo para promoção da marca, ainda que de forma indireta. Você pode ver alguns exemplos de como isso funciona na prática através do nosso post com 8 Exemplos de Marketing de Conteúdo para Você se Inspirar.

Existem vários formatos que você pode utilizar para a criação de conteúdo, sendo que alguns dos mais comuns são:

Não importa qual ou quais formatos desejar utilizar, mas é essencial que sejam feitos com qualidade e sempre voltados para atender à demanda e às intenções de busca das pessoas usuárias.

Tendo um bom conteúdo para oferecer, a geração de leads também acontece de forma mais natural. Por meio de landing pages, você poderá incentivar as pessoas a baixarem materiais gratuitos ou assinarem newsletters, por exemplo.

Mas para que isso seja possível, é preciso entender bem as necessidades da sua audiência e utilizar as técnicas de SEO para fazer, entre outras coisas, pesquisas das palavras-chave mais relevantes.

SEO e Marketing de Conteúdo: unindo as duas estratégias

Imagine um cenário em que um site possui um conteúdo excelente, extremamente relevante e bem produzido, mas com pouquíssimos acessos e ranqueamento pouco significativo nos motores de busca.

Se o conteúdo está bem feito, o que pode estar faltando? Muito provavelmente, as técnicas de SEO não foram implementadas na estratégia de conteúdo do site do nosso exemplo.

Um conteúdo de qualidade por si só não é suficiente para resolver problemas de usabilidade, carregamento lento, navegabilidade sem segurança, baixo desempenho em diferentes dispositivos, entre outras situações que dizem respeito às técnicas de SEO.

Da mesma forma, o SEO sozinho não pode ser usado para otimizar um conteúdo de baixa qualidade e que não entregue o que as pessoas buscam ao utilizar buscadores como o Google.

A melhor solução para qualquer um desses casos, então, é unir as duas estratégias de SEO e Marketing de Conteúdo. Afinal, as duas estratégias possuem o mesmo objetivo: entregar a melhor experiência para as pessoas usuárias.

Esse também é um dos elementos mais favorecidos pelo Google atualmente, que incentiva todas as pessoas que possuem sites a valorizarem a otimização e qualidade de seus conteúdos acima de tudo.

8 Dicas para fazer Marketing de Conteúdo para SEO

Marketing de Conteúdo e SEO são estratégias excelentes e que vêm sendo amplamente utilizadas por pequenas, médias e grandes marcas. E se engana quem pensa que a produção de conteúdo combina apenas com modelos de negócio B2C.

Entre as estratégias de marketing digital B2B, a produção de conteúdo é uma excelente forma de educar o público-alvo e a persona da empresa sobre a solução que ela possui para seus clientes e potenciais clientes. A prospecção B2B também se torna muito mais fácil com essa estratégia.

Resumindo, independentemente de qual seja o modelo do seu negócio, ele com certeza poderá se favorecer (e muito!) com a produção de conteúdo levando em conta as técnicas de SEO.

Confira 8 dicas importantes para começar a colocar essa estratégia em prática hoje mesmo.

1. Faça conteúdo para a persona

A produção de conteúdo só faz sentido quando é feita considerando a persona da empresa. Por isso, é vital tentar compreender ao máximo quais são as dores e problemas enfrentados por ela.

Dessa forma, você terá muito mais chances de atrair naturalmente a atenção dela para o seu conteúdo. E se ele estiver bem feito, a tendência é que essa persona continue no seu site, explorando outros conteúdos correlatos.

Quanto mais as pessoas consumirem o seu conteúdo, mais o nome da sua empresa vai ficando na mente delas como uma referência no assunto. Com isso, elas também se sentirão mais motivadas a disponibilizar dados de contato em troca de materiais gratuitos que você disponibilizar.

Assim, mesmo as pessoas que estiverem no topo do funil de vendas poderão ser preparadas e conduzidas aos próximos estágios, até estarem prontas para a conversão.

2. Entenda o funcionamento dos motores de busca

Entender como funcionam os motores de busca, tais como Google, Bing e Yahoo, não significa fazer um conteúdo pensado somente para eles.

Mas é importante entender como o processo de rastreamento, indexação e ranqueamento é feito. Isso ajudará, entre outras coisas, na estruturação do seu conteúdo. Afinal, ele precisa estar claro o suficiente para que os motores de busca compreendam exatamente do que ele se trata.

Em casos de postagens em blogs, procure estruturar seu texto considerando a hierarquia de cada tópico, evitando utilizar palavras-chave em excesso ou assuntos que desviem muito do tema principal do artigo.

Clareza e objetividade são essenciais aqui para que os motores de busca identifiquem o assunto seu conteúdo e, assim, possam exibi-lo nas páginas de busca quando alguém fizer uma pesquisa sobre o tema.

3. Atente-se para títulos SEO e títulos personalizados

Os artigos para blogs possuem dois títulos, o que será mostrado nos resultados das páginas de pesquisa dos buscadores (título SEO ou meta title) e o que será visível apenas no seu site (títulos personalizados H1).

Para o título SEO, é preciso atentar-se ao limite de 60 caracteres. Ultrapassar esse número poderá ocultar parte do seu título, por isso procure mantê-lo dentro do limitação indicada.

Também é importante construir títulos exclusivos, atrativos, concisos e que incluam a palavra-chave principal do seu artigo, sempre levando em conta as intenções de busca das pessoas usuárias.

Os títulos personalizados podem ser maiores que os títulos SEO, mas ainda assim é recomendável que eles não sejam grandes, para evitar que as pessoas se percam na hora de compreender o assunto que o artigo tratará.

Para os dois títulos, utilizar frases em forma de perguntas, guias e listas podem ser boas formas de atrair a atenção do público.

4. Capriche nas meta descriptions

A meta description, ou meta descrição, é tão importante quanto o título, já que ela se encontra logo abaixo dele. Trata-se de um pequeno resumo do que a pessoa encontrará ao clicar no link.

Apesar de não haver uma limitação de caracteres, recomendamos manter sua meta descrição dentro de 160 caracteres, que é o valor máximo mostrado nas páginas de pesquisa dos buscadores.

Aproveite esse espaço para incluir a palavra-chave principal do conteúdo, fazendo um resumo preciso e focado em convencimento.

5. Pesquise tendências e palavras-chave

A criação de conteúdo requer atenção com novidades e tendências, seja nos meios online ou offline. Pois elas servem de inspiração para desenvolver artigos e outros conteúdos que são de grande interesse da sua persona.

Aqui também entram as palavras-chave, que são parte crucial da aplicação de técnicas de SEO. Antes mesmo de começar a produzir o seu conteúdo, faça muitas pesquisas para entender o que e como as pessoas estão buscando determinados termos.

A partir da pesquisa de palavras-chave, também é possível determinar qual o melhor formato de conteúdo que você deverá investir para determinados temas.

6. Utilize ferramentas

Existem diversas ferramentas que podem ser utilizadas para fazer pesquisa de palavras-chave e ter ideias de conteúdo.

Algumas das principais são: Ubersuggest, SEMRush, Planejador de Palavras-chave do Google Ads, Google Trends, AlsoAsked e até o próprio campo de pesquisa do Google e YouTube (o segundo maior buscador do mundo).

Utilizar as outras ferramentas do Google (que são gratuitas), tais como o Google Search Console e o Google Analytics, também são úteis para entender o comportamento do seu público-alvo e traçar novas estratégias de conteúdo para ele.

7. Construa uma rede de links (Link Building)

Conforme você vai aumentando a quantidade de conteúdo em seu site, vai se tornando mais fácil construir uma rede de links internos.

Essa rede de links, também chamada de Link Building, desde que bem utilizada, acaba incentivando seu público a continuar em seu site e consumir outros conteúdos correlatos. Mas é importante manter a coerência na hora de inseri-los e garantir que eles tenham relação com o tema principal da página.

No caso de backlinks, que são links externos que são feitos de um site para outro, pode ser um pouco mais complicado para conseguir, já que eles dependem que outros sites façam referências ao seu.

Os backlinks são importantes, pois reforçam a autoridade do seu site. Quanto mais autoridade você possui, mais os motores de busca entendem a relevância do seu conteúdo, garantido melhores posições para o seu site nas páginas de busca.

Você pode conseguir esse tipo de link por meio de Guest Posts, que é quando sites de assuntos semelhantes resolvem trocar conteúdo e fazer links um para o outro.

8. Mantenha a frequência

Outro elemento crucial tanto para conteúdo quanto para SEO é a frequência. Ao manter o seu site sempre atualizado com novas postagens, você mostra para os motores de busca que as pessoas usuárias podem contar sempre com o seu site para conseguir informações.

Por isso, procure se antecipar na produção de conteúdo, mantendo um ritmo constante de publicações. Isso também é muito importante para postagens em redes sociais, tais como Instagram, Twitter, LinkedIn, entre outras.

Se possível, elabore um calendário de publicações que inclua não somente o que será publicado, mas quando e onde. Lembre-se que a quantidade não deve prevalecer aqui, mas sim a qualidade e a frequência.

Duas estratégias que andam juntas

Marketing de Conteúdo e SEO são duas estratégias diferentes, porém que só podem ser realizadas eficazmente quando estão andando juntas.

Um conteúdo incrível, mas feito sem nenhuma estratégia, não será encontrado pelas pessoas. Da mesma forma, um site otimizado, mas com conteúdo fraco e de má qualidade, não prenderá a atenção de seus visitantes.

Com uma boa aplicação tanto de Marketing de Conteúdo quanto de SEO, você conseguirá gerar muito mais tráfego orgânico para o seu site e de forma duradoura. Uma vez feitos, seus conteúdos ficarão disponíveis na internet para sempre e para quem quiser.

A partir daí, é só manter a frequência de publicações e atualizar conteúdos antigos sempre que necessário, seguindo seus objetivos e as estratégias da sua empresa.

E se precisar de ajuda profissional, conte com a Tupiniquim. Somos uma agência de SEO e Inbound Marketing focada em fazer empresas como a sua crescer e alcançar novos patamares. Fale com gente!

Curtiu o conteúdo? Aproveite e compartilhe com outras pessoas!

Dúvidas Frequentes

O que é SEO para Marketing de Conteúdo?

SEO e Marketing de Conteúdo são duas estratégias que se complementam. O SEO é responsável pela otimização do conteúdo para os motores de busca. Já o Marketing de Conteúdo auxilia na promoção da marca por meio de conteúdos relevantes e focados nas intenções de busca das pessoas usuárias.

Como fazer produção de conteúdo para SEO?

Antes de mais nada, é preciso conhecer a persona da marca. O conteúdo deve ser feito somente após a pesquisa de palavras-chave relevantes e que estejam de acordo com o que as pessoas mais buscam saber na internet. Para conseguir boas posições nas páginas de pesquisa, é importante fazer publicações com frequência.

Por que investir em Marketing de Conteúdo e SEO?

Marketing de Conteúdo e SEO são estratégias fundamentais para gerar tráfego orgânico para o seu site, que é menos custoso do que o investimento em mídias pagas. Além disso, ao criar conteúdo relevante para as pessoas usuárias, cria-se a necessidade espontânea delas por seus produtos ou serviços.

Newsletter

Cadastre-se e receba novidades e conteúdos relevantes sobre marketing digital e vendas!
1 Step 1
keyboard_arrow_leftPrevious
Nextkeyboard_arrow_right
FormCraft - WordPress form builder

Solicite seu diagnóstico gratuito com nossos especialistas!

1 Step 1
keyboard_arrow_leftPrevious
Nextkeyboard_arrow_right
FormCraft - WordPress form builder

Solicite seu diagnóstico gratuito com nossos especialistas!

1 Step 1
keyboard_arrow_leftPrevious
Nextkeyboard_arrow_right
FormCraft - WordPress form builder