Skip to main content

Saiba o que são e como criar materiais úteis de marketing de atração para alcançar mais clientes em potencial e fazer o seu negócio vender mais!

Um dos principais objetivos da estratégia de inbound marketing (também conhecido como marketing de atração) é gerar leads (ou clientes em potencial). Para isso, é importante ter em mente que os visitantes de um site, landing page, blog, e-commerce ou de perfis em redes sociais podem ser convertidos em clientes da sua empresa.

No entanto, é necessário que a sua marca encontre meios para abordar esses visitantes de páginas on-line e perfis em redes sociais do seu negócio. É essencial conseguir informações de contato dos prospects, como, por exemplo, e-mail ou telefone, para que você possa apresentar os produtos ou serviços da sua empresa a esses leads.

Um dos principais métodos para obter esses dados de contato é oferecer algo em troca deles aos usuários que acessam e visitam uma página on-line. Essa moeda de troca é o que chamamos no marketing digital de material rico.

Neste artigo, a Agência de Inbound Marketing Tupiniquim vai te explicar em detalhes o que é considerado um material rico, além de te dar 7 exemplos de materiais úteis que a sua empresa pode produzir para conseguir dados de contato para interagir com leads e convertê-los em clientes da sua marca.

O que você vai ler sobre Materiais Ricos de Inbound Marketing:

O que é inbound marketing?

Inbound marketing (ou marketing de atração) é um conjunto de estratégias com foco em atrair, educar e converter leads em clientes reais de um negócio. Para isso, essa metodologia de marketing cria conteúdo valioso e experiências personalizadas para clientes em potencial ao longo de suas 5 etapas: atração, conversão, relacionamento, venda e análise.

O marketing de atração busca ainda uma abordagem que seja sutil e não invasiva para estabelecer conexões profundas e de confiança entre uma empresa e seu público-alvo na internet, de forma que o foco esteja em atender necessidades e solucionar problemas que os leads enfrentem em seu dia a dia.

3 vantagens do marketing de atração para o seu negócio

Os resultados trazidos pelas técnicas de inbound marketing não são tão rápidos e evidentes quanto, por exemplo, os resultados gerados por anúncios de tráfego pago. Contudo, um trabalho constante de atração de leads e conversão de clientes traz resultados duradouros e valiosos para uma marca.

Conheça 3 vantagens que a estratégia de inbound marketing trará para o seu negócio:

1. Qualifica leads

A tática de inbound marketing se baseia não só em atrair leads, mas também em educá-los, isto é, informá-los sobre o que a sua marca faz de melhor e como isso pode solucionar problemas que eles possuem.

Assim, os prospects vão sendo segmentados e qualificados de forma que eles se encaixem no perfil de cliente ideal da sua empresa e, consequentemente, tenham uma alta probabilidade de comprarem seus produtos ou serviços.

2. Gera confiança

A tolerância das pessoas com propagandas invasivas está cada vez menor. Por isso, é essencial pensar em formas de interação que sejam vistas e percebidas como úteis, relevantes e autênticas. Isso é decisivo para criar relações de confiança com potenciais clientes.

Mais do que o reconhecimento da sua marca, o marketing de atração te traz a confiança dos potenciais consumidores. Isso porque a abordagem de inbound marketing é focada em ajudar os leads, em vez de simplesmente ofertar um produto ou serviço de forma direta e brusca.

Incluir palavras-chave estrategicamente ao longo do texto, como “marketing de atração”, “relações de confiança” e “potenciais consumidores”, pode melhorar a relevância do conteúdo para os mecanismos de busca. Além disso, criar um link interno para outras páginas do seu site relacionadas ao tema pode aumentar a autoridade da página e melhorar sua classificação nos resultados de pesquisa.

3. Fornece dados

Uma das maiores vantagens das técnicas de inbound marketing está no fato de que elas são mensuráveis. Assim, fica muito mais fácil monitorar os resultados que você está alcançando em termos de tráfego, engajamento, conversão etc.

Em resumo, dados significam a possibilidade de saber o que está dando certo, o que pode ser melhorado e o que precisa ser corrigido para atrair mais leads e conduzi-los melhor ao longo do funil de vendas do marketing de atração.

O que é um material rico?

Um material é considerado rico quando entrega alguma solução ou ajuda o lead a resolver algum problema. Esses conteúdos são disponibilizados em troca do fornecimento de dados do cliente potencial em um formulário em uma landing page, blog ou outra página on-line.

Os materiais informativos, úteis e relevantes são produzidos em forma de arquivos entregáveis e baixáveis pelos visitantes da página. São exemplos de materiais ricos: templates (ou modelos) de planejamento, planilhas para controle, webinários, entre outros.

Dessa forma, coloca-se em prática o gatilho mental da reciprocidade. O lead fornece alguns dados para contato em troca do acesso ao material rico, possibilitando que o seu negócio entre em contato com ele posteriormente para apresentar em mais detalhes a sua empresa e o que ela faz.

7 ideias de materiais ricos para você atrair mais leads

Não importa o quão conhecida e famosa uma marca seja. Ela sempre terá que buscar e interagir com quem já foi ou é cliente dela ou com quem tem potencial para se tornar um consumidor.

Os materiais ricos facilitam essa missão, principalmente, quando a empresa usa o tipo certo para alcançar novos públicos e divulgar campanhas de produtos novos e existentes a fim de criar uma necessidade nas pessoas ou manter o engajamento de quem já é cliente.

Por isso, criamos uma lista com 7 tipos de materiais ricos para você incluir na sua comunicação de marketing e gerar, nutrir e converter leads em clientes.

1. E-book

Se você quer posicionar o seu negócio como uma autoridade em um determinado assunto ou área de atuação, os livros eletrônicos (ou e-books) são a pedida certa. Por meio de um e-book, sua empresa pode demonstrar e comprovar sua expertise no que ela faz de melhor.

Dessa forma, você educa e qualifica os leads ao mesmo tempo em que apresenta sua empresa e os produtos ou serviços dela. Durante a produção de um e-book, atente-se à redação e edição do conteúdo para que ele seja interessante e gere o engajamento dos leitores.

2. Infográfico

Os infográficos podem ser elaborados em forma de ilustrações, gráficos ou, como é mais comum, uma combinação desses 2 elementos. Esse tipo de material é rico porque colabora para educar os leads sobre um determinado tema de forma resumida, mais dinâmica e visual.

Além disso, infográficos são versáteis porque podem ser disponibilizados para download pela audiência ou serem inseridos como parte de um post do blog do seu negócio. Para ter um exemplo claro disso, veja um post da Agência Tupiniquim sobre BANT Sales em que apresentamos o conteúdo com um infográfico que ilustra e resume o tema abordado.

3. Livro Branco

Você deve estar se perguntando qual a diferença entre um livro branco e um e-book, certo? Bom, os e-books, em geral, apresentam seu conteúdo de forma mais dinâmica e com foco no engajamento e no entretenimento dos leitores.

Já um livro branco (também conhecido como whitepaper) é escrito, em geral, com uma linguagem mais formal e técnica e de maneira mais aprofundada sobre um tema. Dessa forma, esse tipo de material acaba sendo mais longo e denso do que um e-book.

4. Catálogo

Criar um catálogo digital contendo todos os seus produtos ou serviços é uma boa ideia de abordagem mais direta e comercial aos prospects. No entanto, para que o material seja considerado rico e útil pelos leads, não se esqueça de apontar de que forma essas soluções ofertadas pela sua empresa podem ajudar a resolver um problema ou satisfazer uma necessidade da vida cotidiana deles.

Um catálogo também pode te ajudar a aumentar as vendas porque ele unifica todas as possibilidades que o seu negócio oferece em um único material e facilita a consideração e a tomada de decisão do cliente em potencial a respeito dos produtos ou serviços.

5. Newsletter

Diferente da abordagem mais direta e comercial de um e-mail marketing, o conteúdo criado para uma newsletter é rico porque se propõe a discutir e debater temas relacionados a um interesse ou grupo de interesses dos assinantes, além de cumprir o objetivo de conseguir dados de leads quando eles se inscrevem em um formulário para receber as newsletters.

Dessa forma, se você possui, por exemplo, um pet shop, você pode ter uma newsletter que fale sobre animais de estimação em um sentido mais amplo (desde cuidados com a alimentação dos pets até curiosidades sobre diferentes raças). Assim, você cria um conteúdo que entretém, informa e apresenta sua marca de maneira sutil e efetiva.

6. Planilha de Controle

Tão importante quanto traçar metas e objetivos é acompanhar e monitorar os resultados que estão sendo alcançados. É por isso que planilhas (principalmente as em Excel) são tão usadas pelas pessoas tanto na vida profissional quanto na pessoal.

Uma planilha bem formatada, com uma boa identidade visual e que seja capaz de automatizar a apresentação de números e dados pode ser um excelente material rico para os seus leads. Você pode, por exemplo, criar um calendário para criação e publicação de conteúdo ou um cronograma para acompanhamento de vendas mês a mês e deixar esses materiais à disposição para download por quem se cadastrar em um formulário de dados no seu site.

7. Webinar

Também conhecido como webinário, um webinar é um material em vídeo produzido para informar os leads sobre um determinado assunto (semelhante a uma palestra on-line). Seja no formato ao vivo ou gravado, é um ótimo meio de demonstrar autoridade, especialmente se contar com a participação de especialistas no tema.

Nesse caso, os dados de leads são coletados após eles se inscreverem para receberem o vídeo por e-mail ou acessá-lo via compartilhamento em nuvem. Você também pode disponibilizar o conteúdo em plataformas como, por exemplo, o YouTube.

Atenção: sempre que possível, inclua uma boa Chamada para Ação (CTA) no conteúdo dos materiais ricos para redirecionar os leads para o seu site, blog ou e-commerce e conduzi-los a realizar a ação que você espera deles (conhecer melhor sua empresa, ler um post do blog ou comprar algo do e-commerce).

Produza materiais ricos de inbound marketing e gere mais leads!

Depois de ler este artigo, você já adquiriu conhecimento sobre os diferentes tipos de materiais ricos de marketing que você pode criar e entregar para chamar a atenção de clientes em potencial para a sua marca e nutri-los ao longo de cada fase da jornada de compra.

A produção constante de materiais ricos impulsiona os esforços da equipe de marketing e de vendas na geração e qualificação de leads e conversão de clientes, além de aumentar a consciência de marca entre o público-alvo.

Quanto melhor produzidos forem os seus materiais ricos, mais pessoas estarão dispostas a fornecerem seus dados de contato para ter acesso a eles. Isso possibilita que você crie uma sólida base de contatos de leads que se interessam pelo que a sua empresa faz e que podem ser educados sobre os produtos ou serviços dela, estabelecendo-se uma promissora relação comercial.

Aqui na Agência de Inbound Marketing Tupiniquim, nós trabalhamos há mais de 10 anos na criação, implementação e monitoramento de estratégias de marketing digital para atrair clientes e aumentar as vendas de negócios dos mais variados segmentos.

Entre em contato conosco e receba um diagnóstico do que a sua empresa precisa para decolar na prospecção de clientes!

Gostou do artigo? Compartilhe o link com quem também quer mais clientes e mais vendas!

Dúvidas Frequentes

Quais são os benefícios da estratégia de inbound marketing?

  1. Qualifica leads;
  2. Gera confiança;
  3. Fornece dados.

O que é um material rico?

Um material é considerado rico quando entrega alguma solução ou ajuda o lead a resolver algum problema. Esses conteúdos são disponibilizados em troca do fornecimento de dados do cliente potencial em um formulário em uma landing page, blog ou outra página on-line.

Quais são os exemplos de materiais ricos para atrair leads?

  1. E-book;
  2. Infográfico;
  3. Livro Branco;
  4. Catálogo;
  5. Newsletter;
  6. Planilha de Controle;
  7. Webinar.

Web Stories:

Newsletter

Cadastre-se e receba novidades e conteúdos relevantes sobre marketing digital e vendas!
1 Step 1
reCaptcha v3
keyboard_arrow_leftPrevious
Nextkeyboard_arrow_right
FormCraft - WordPress form builder

Solicite seu diagnóstico gratuito com nossos especialistas!

1 Step 1
reCaptcha v3
keyboard_arrow_leftPrevious
Nextkeyboard_arrow_right
FormCraft - WordPress form builder

Solicite seu diagnóstico gratuito com nossos especialistas!

1 Step 1
reCaptcha v3
keyboard_arrow_leftPrevious
Nextkeyboard_arrow_right
FormCraft - WordPress form builder
Pinterest: 4 formatos de Pins na Conta Business 3 exemplos de métricas de Google Ads 4 principais redes sociais para a sua indústria 4 benefícios do Google Ads para o Marketing Industrial 5 estratégias de Marketing Digital B2B 4 motivos para investir em Branding com a Tupiniquim 3 Exemplos de Marketing de Conteúdo 5 Dicas para um Marketing de Conteúdo eficaz 4 dicas sobre Gestão de Tráfego 4 tipos de ferramentas de marketing digital 4 ferramentas de marketing digital gratuitas 3 exemplos de anúncios que aplicam os Gatilhos Mentais 4 tipos de correspondência de palavras-chave 4 dicas para escolher palavras-chave no Google Ads 4 cases de Branding criados pela Tupiniquim 4 benefícios do Google Ads para advogados 5 dicas de como usar o Google Ads para advogados 4 estratégias para aplicar os Gatilhos Mentais 4 benefícios das métricas de redes sociais 5 exemplos de métricas de redes sociais