Skip to main content

Saiba onde aprender sobre otimização de páginas para conseguir um melhor posicionamento para o seu site entre os resultados de pesquisas feitas em mecanismos de busca na internet.

Na atualidade, uma empresa precisa estar presente na internet se não quiser perder grandes oportunidades de negócios, contato com clientes potenciais e, claro, vendas. Por isso, muitos negócios investem sabiamente em conteúdo para seus perfis em redes sociais e na criação de sites próprios.

Ter um site é uma decisão especialmente inteligente porque permite que sua empresa seja encontrada entre os resultados de pesquisas feitas por usuários em sites de buscas, como o poderoso Google.

Se a sua empresa tem um site e está no Google, então ela está em todos os lugares e pode ser encontrada em qualquer horário por meio de uma variedade de dispositivos (smartphones, tablets, notebooks, desktops etc.).

Para isso, é preciso entrar na corrida pelas primeiras posições das páginas do Google e de outros buscadores (como Yahoo e Bing), já que a primeira página de resultados de um site de pesquisas é a mais vista por usuários.

Sendo assim, é bastante recomendável utilizar um conjunto de técnicas e estratégias para alavancar o desempenho do site da sua empresa e fazer com que os algoritmos dos buscadores entendam que o seu site é relevante, confiável, rápido e possui conteúdo de qualidade e útil aos usuários.

SEO (Otimização para Mecanismos de Busca) é exatamente esse conjunto de técnicas para impulsionar o alcance que o endereço digital da sua empresa consegue nas páginas de resultados de mecanismos de pesquisas, também conhecidas pela sigla SERPs.

A aplicação dessa estratégia traz muitas vantagens para a sua empresa porque dá mais visibilidade e gera tráfego orgânico, ou seja, um volume espontâneo e gratuito de visitas à página on-line da sua marca.

Neste post, a Agência de Marketing Digital Tupiniquim te dá mais informações sobre o conceito de SEO e te apresenta 5 dicas de cursos para você fazer e ficar por dentro das táticas que uma empresa pode colocar em prática para aumentar sua presença na internet.

O que você vai ler sobre cursos de SEO:

O que é SEO?

SEO é a sigla em inglês para Search Engine Optimization (em português: Otimização para Mecanismos de Busca).

Trata-se de uma série de técnicas e estratégias para adequar uma página on-line às boas práticas criadas por buscadores (como as métricas de Core Web Vitals do Google) para que seus usuários tenham acesso à navegação e conteúdo de qualidade ao realizarem pesquisas na barra de buscas de suas homepages.

Assim, quando você faz uma busca no Google por, por exemplo, “receita de bolo de chocolate”, o algoritmo do buscador retornará em suas páginas os principais resultados classificados com base em uma série de critérios que o gigante das pesquisas utiliza para avaliar a relevância e a qualidade de uma página para ajudar seus usuários.

Diferente dos resultados exibidos em buscadores por meio da estratégia de compra de anúncios (também chamada de tráfego pago), as técnicas de SEO fazem com que um site receba mais visibilidade e, consequentemente, mais acessos espontâneos sem necessidade de investimento em mídias pagas.

Confira abaixo um vídeo em que o Rodrigo, sócio da Agência Tupiniquim, fala mais sobre o conceito de otimização para mecanismos de buscas. Aproveite e se inscreva no canal da Tupiniquim no YouTube para receber outros conteúdos em vídeo sobre marketing digital!

Quais são as principais técnicas de SEO?

Ok! Você entendeu o conceito geral de SEO e sua importância para tornar uma página on-line e uma empresa mais conhecidas na internet pelo seu público-alvo. Mas quais são exatamente as técnicas de SEO mais aplicadas para otimizar um site e gerar mais resultados em buscadores?

Conheça as 4 táticas de SEO mais utilizadas para fazer um site decolar no ranqueamento do Google e de outros sites de buscas:

1. Palavras-chave

Uma das bases de SEO, selecionar as palavras-chave que tenham relevância para os produtos e serviços que uma empresa oferece é essencial para que o conteúdo criado por ela seja exibido como resultado para as pesquisas realizadas em buscadores.

Dessa forma, se você tem, por exemplo, uma loja de calçados, as palavras-chave mais importantes para o seu negócio aplicar em seu site e posts de blog poderiam ser “tênis de corrida”, “sapato social masculino”, “salto alto” e outras derivações que abranjam o universo do produto vendido e das necessidades e desejos do público-alvo da marca.

2. Títulos SEO

Na hora de buscar os conteúdos que melhor respondam às dúvidas de seus usuários, os algoritmos de sites de buscas fazem uma varredura em elementos das páginas on-line para decidir se elas são úteis ou não para serem exibidas como resultado. Esses elementos fazem parte do SEO On Page e englobam a URL, o meta título e a meta descrição da página on-line.

Para aumentar o alcance do conteúdo, as principais palavras-chave referentes ao tema da publicação ou à área de atuação da empresa devem ser aplicadas a esses elementos para mostrar aos robôs dos sites de busca que aquele conteúdo tem relação com as pesquisas feitas pelos usuários.

3. Link Building

Link building é uma estratégia de SEO que consiste em gerar autoridade à empresa na internet por meio, por exemplo, de links internos que redirecionam os usuários para outras páginas do seu site ou recomendações da página on-line do negócio vindas de outros sites.

Assim, um site pode fazer referência ao endereço eletrônico do seu negócio por meio de links que redirecionem os usuários à página da sua empresa. Esse tipo de link é chamado de link externo ou backlink e mostra ao algoritmo de um buscador que o site da sua empresa tem relevância entre outras páginas na internet.

4. Responsividade a dispositivos móveis

Atualmente, o número de pesquisas feitas no Google via dispositivos móveis, como, por exemplo, celulares, supera o volume de buscas feitas em desktops (também conhecidos como computadores de mesa).

Para manter seu domínio entre os buscadores, o algoritmo do Google foi alterado para privilegiar sites e páginas on-line que sejam responsivos a esses tipos de dispositivos. Isso significa que é extremamente importante que o site da sua empresa ofereça boa navegação, velocidade de carregamento e estabilidade visual aos usuários que usam esses aparelhos.

5 cursos para você aprender SEO

Agora já podemos dizer que você conhece um pouco mais sobre o que é e como é feita a otimização de uma página on-line para que ela consiga melhores resultados em sites de buscas, certo?

Para complementar este post e para você ampliar ainda mais seu conhecimento sobre SEO, criamos uma lista com recomendações de 5 cursos, tanto gratuitos quanto pagos (para quem pode e quer investir um pouco mais em educação). Confira a lista e expanda seu conhecimento!

1. Mirago

O curso SEO Básico da Mirago é ideal para quem é iniciante no assunto. Em 7 horas de vídeo sob demanda, você vai aprender conceitos introdutórios sobre Otimização para Mecanismos de Busca e sobre como ganhar mais visibilidade orgânica na internet fazendo, por exemplo, pesquisa de palavras-chave.

O curso também aborda o funcionamento, a indexação e o ranqueamento de páginas do maior mecanismo de buscas da atualidade: o Google. Uma outra vantagem desse curso é que ele é gratuito e oferece um certificado de conclusão às pessoas que o finalizarem.

2. Ahrefs

Famosa por ser uma plataforma de análise de link building, a Ahrefs também possui um curso sobre SEO. E o melhor: gratuito! Em SEO: Aprenda Como Obter Tráfego Orgânico de Pesquisas, você vai adquirir noções básicas sobre as formas de colocar um site na primeira página do Google.

O curso é dividido em 4 módulos, com 14 lições no total. Você consegue concluí-lo em cerca de 2 horas e vai entender a importância do SEO, além de conhecer estratégias para criar links amigáveis e conseguir mais backlinks (também chamados de links externos) para uma página on-line.

3. Alura

A Formação SEO da Alura vai te guiar pelo caminho percorrido para alcançar um bom ranqueamento no Google e para aumentar o volume de tráfego, ou seja, de fluxo de visitantes, que um site ou um blog recebe.

Você assistirá a 47 horas de aulas disponíveis em formatos diversos como, por exemplo, vídeos, artigos e podcasts. O conteúdo programático do curso inclui conhecimentos de SEO para sites criados em WordPress e estratégias avançadas para otimizar o desempenho de uma página nos buscadores.

4. Curso em Vídeo

O Curso em Vídeo é um canal de YouTube famoso por ensinar diversos conteúdos relacionados à tecnologia. Quase 2 milhões de inscritos consomem o conteúdo educacional gratuito criado pelo professor Gustavo Guanabara para a plataforma de vídeos.

O canal possui uma playlist com 15 vídeos sobre SEO que te ensina o que é SEO, detalha os fatores de ranqueamento de uma página on-line em um buscador e, de quebra, ainda te apresenta ferramentas para monitorar o desempenho de SEO como o Google Analytics e o Google Search Console.

5. Udemy

Se você procura um curso que te dê um panorama mais abrangente das técnicas de SEO, indicamos o curso SEO Completo – Do básico ao avançado da Udemy. Nesse curso, você aprenderá a elaborar um plano de SEO do começo ao fim, desde as palavras-chave até a gestão de profissionais e agências de SEO.

O curso também cobre as principais métricas de avaliação do desempenho de um projeto de SEO, otimização de vídeos e redes sociais. Todo esse conteúdo está à disposição para quem pode e quer investir em um curso de SEO com videoaulas, recursos para download e acesso vitalício.

Aplique SEO e turbine o desempenho da sua empresa no Google!

Segundo uma pesquisa realizada pelo Cetic.br, 81% da população brasileira acessou a internet em 2021 e, em 99% dos casos, o dispositivo utilizado para isso foi o celular.

Portanto, se a sua empresa quer encontrar leads, ou seja, clientes em potencial, a internet é o lugar perfeito para isso. Isso porque a quantidade de consultas feitas por usuários em sites como o Google está na casa dos bilhões. Prova disso é que o Brasil é o segundo país que mais faz pesquisas no Google em todo o mundo.

Desde buscas por informações e curiosidades, passando por receitas e dicas de estilo e decoração, até a compra de produtos e serviços, os brasileiros estão cada vez mais conectados e habilidosos para usar a internet para resolver seus problemas e satisfazer seus desejos.

Então, decidir investir na criação de um site (aliás, aqui na Tupiniquim, recomendamos e criamos sites em WordPress, ok?) é a porta de entrada virtual para a sua empresa no Google e em outros buscadores.

No entanto, como vimos neste post, não basta ter uma página on-line com um bom conteúdo e uma bela identidade visual. É preciso que as pessoas encontrem o site do seu negócio no Google.

Neste artigo, te explicamos como as técnicas de SEO podem ajudar um site a decolar e escalar posições no ranqueamento das páginas de resultados dos sites de buscas. Você ainda recebeu 5 dicas de cursos para expandir e consolidar o seu conhecimento sobre otimização para motores de busca.

Vale ressaltar que SEO é apenas uma das várias possibilidades e estratégias que um bom planejamento de marketing digital oferece para expandir o alcance e aumentar as vendas de empresas dentro e fora da internet.

Sabemos que essa grande variedade de táticas para crescer no ambiente digital pode causar dúvidas sobre quais são as melhores para o seu negócio. Por isso, colocamos à sua disposição a nossa consultoria de SEO e nossa equipe especializada no desenvolvimento de sites em WordPress para otimizar os resultados que o seu negócio alcança na web.

Entre em contato com a Tupiniquim e criaremos a estratégia ideal para a sua empresa, levando em consideração os seus objetivos, perfil, área de atuação e público-alvo!

Achou este conteúdo útil? Compartilhe o link deste artigo com outras pessoas e repasse as dicas que você leu aqui!

Dúvidas Frequentes

O que é SEO?

SEO (Otimização para Mecanismos de Busca) é uma série de técnicas e estratégias para aumentar a visibilidade e o alcance de páginas on-line em sites de buscas, como o Google.

Quais são as principais técnicas de SEO?

  1. Pesquisa de palavras-chave;
  2. Aplicação das palavras-chave no meta título, meta descrição, URL e no conteúdo;
  3. Uso de links internos nas páginas do site e busca de parcerias para obter backlinks (também conhecidos como links externos);
  4. Criação de páginas on-line que sejam responsivas a dispositivos móveis como, por exemplo, celulares e tablets.

Onde fazer cursos sobre SEO?

  1. Mirago;
  2. Ahrefs;
  3. Alura;
  4. Curso em Vídeo;
  5. Udemy.

Web Stories:

Newsletter

Cadastre-se e receba novidades e conteúdos relevantes sobre marketing digital e vendas!
1 Step 1
reCaptcha v3
keyboard_arrow_leftPrevious
Nextkeyboard_arrow_right
FormCraft - WordPress form builder

Solicite seu diagnóstico gratuito com nossos especialistas!

1 Step 1
reCaptcha v3
keyboard_arrow_leftPrevious
Nextkeyboard_arrow_right
FormCraft - WordPress form builder

Solicite seu diagnóstico gratuito com nossos especialistas!

1 Step 1
reCaptcha v3
keyboard_arrow_leftPrevious
Nextkeyboard_arrow_right
FormCraft - WordPress form builder
3 exemplos de Marketing emocional 4 Dicas para fazer Marketing emocional 4 Emoções poderosas no Marketing emocional 3 curiosidades sobre o omnichannel 4 dicas para aplicar o omnichannel 4 benefícios do omnichannel 4 benefícios de anunciar no Google Ads 4 dicas para criar conteúdo no Pinterest Pinterest: 4 formatos de Pins na Conta Business 3 exemplos de métricas de Google Ads 4 principais redes sociais para a sua indústria 4 benefícios do Google Ads para o Marketing Industrial 4 cursos de vendas para alavancar seus resultados 3 dicas sobre Marketing Digital 4 livros de Marketing Digital para te inspirar 4 dicas para melhorar o CTR dos seus anúncios 3 cases de Marketing Digital B2B da Tupiniquim 5 estratégias de Marketing Digital B2B 4 motivos para investir em Branding com a Tupiniquim 3 Exemplos de Marketing de Conteúdo