fbpx

Anunciar produtos do seu e-commerce pode ser um desafio, mas com grandes recompensas. Veja nossas dicas para acertar em seus anúncios e aumentar suas vendas na internet.

Os negócios online têm crescido consideravelmente no mundo nos últimos anos. Só no Brasil, entre março e abril de 2021, houve um crescimento de 72,2% no faturamento do e-commerce nacional, em comparação ao mesmo período de 2020.

Existem fatores e acontecimentos mundiais que ajudam a impulsionar o mercado de e-commerce. A pandemia de 2020 foi um deles. Mas é um fato que o comércio eletrônico vem crescendo muito nos últimos anos.

Afinal, só no Brasil, a internet é parte integral do cotidiano de 75% da população. Seja para trabalho, estudo, entretenimento ou relacionamento, as pessoas passam cada vez mais horas online. Inclusive para fazer compras.

Como esse é um processo sem volta e que só tende a aumentar daqui para frente, muitas empresas estão correndo atrás para conquistar seu espaço na internet. Outras até mesmo já nascem no meio digital.

Seja qual for o caso da sua empresa, todo e-commerce possui grandes desafios. Um deles é como anunciar os produtos de forma eficaz. É sobre isso que vamos falar neste post. Confira!

O que você vai ler ser sobre anúncios para e-commerce:

Como fazer anúncios para E-commerce?

Fazer anúncios pode não ser uma tarefa tão simples. Afinal, a internet permite um grande alcance de público, o que é interessante não somente para você, mas como para a sua concorrência, que muito provavelmente já está por lá.

Para ajudar você a fazer anúncios que se destaquem e tenham bons resultados, preparamos 6 passos essenciais para você fazer anúncios para o seu e-commerce.

1. Faça um planejamento

Elabore um planejamento que inclua informações básicas que envolvem os seus anúncios, tais como: público-alvo, lista de produtos que serão anunciados, orçamento, profissionais que poderá contar, entre outras informações.

O objetivo aqui é organizar todas as informações que envolvem a criação do anúncio para que nenhuma ação seja feita sem propósito.

2. Escolha as palavras-chave

Para escolher as palavras-chave adequadas para o seu anúncio de e-commerce, escolha frases e termos que melhor definem o seu produto e que estejam de acordo com a intenção de busca dos usuários.

Mais que isso, procure pesquisar quais palavras seus possíveis clientes utilizam quando pesquisam por produtos como o seu.

Um exemplo de como isso pode afetar os seus anúncios é o caso da “geladeira/refrigerador” da Magalu. Há uns tempos atrás, ao digitar por “geladeira” no campo de busca do site da Magalu, você se depararia com uma página de “produto não encontrado”.

Isso porque os produtos eram referenciados como “refrigerador” no site. Ao entender que seus usuários utilizavam “geladeira” na hora de pesquisar pelo eletrodoméstico, a Magalu passou a utilizar o termo “geladeira/refrigerador”, resolvendo o problema.

Apesar de ser um exemplo de pesquisa de palavras-chave dentro da própria loja virtual, o caso da Magalu mostra que entender como seus possíveis clientes se expressam na hora de pesquisar pelo seu produto faz toda a diferença.

Para te ajudar a fazer essa pesquisa de palavras-chave, você pode utilizar ferramentas como Ubersuggest, AlsoAsked, SemRush, Planejador de Palavras-Chave do Google Ads e Google Trends.

Ficar de olho em comentários e feedbacks do seu público-alvo na internet também pode te auxiliar a escolher os termos mais frequentemente utilizados por ele.

3. Defina suas estratégias

Algumas estratégias podem ser utilizadas para atrair a atenção dos usuários para o seu anúncio, tais como: descontos, promoções, ofertas de escassez e frete grátis.

Aliás, algumas pesquisas indicam que os consumidores ficam muito mais propensos a fazerem uma compra online se houver frete grátis. Essa estratégia também reduz a porcentagem de abandonos de carrinho.

Se for algo que o seu negócio pode oferecer, tenha certeza de incluir uma dessas estratégias em seu anúncio.

4. Capriche nos textos

Seja para tráfego orgânico ou pago, é fundamental fazer textos objetivos e atrativos para seus anúncios, tanto para os títulos quanto para as descrições.

Para conseguir isso, evite focar demais nas funcionalidades do seu produto, dando ênfase nos benefícios que ele trará para os possíveis consumidores.

Outra dica bacana (que pode ajudar também na hora de escolher as palavras-chave) é sempre se colocar no lugar dos usuários. Que problemas eles querem resolver? Tente incluir a sua solução no seus anúncios.

5. Lembre-se das CTAs

Aproveitando que estamos falando de texto, não deixe de acrescentar boas CTAs nos seus anúncios.

CTAs, ou chamadas para ação, são pequenas frases, frequentemente em formatos de links ou botões, que incentivam o usuário a realizar uma determinada ação.

Para passar essa ideia de movimento, você pode utilizar termos no imperativo, como em “compre agora”, ou no infinitivo, como em “comprar agora”.

Utilizar termos que transmitem urgência como “não perca” ou “agora” também podem ser boas opções.

Você também pode unir sua estratégia de escassez com a sua CTA, como em “Aproveite! Apenas 3 itens em estoque”.

6. Utilize imagens atrativas

Para complementar todo o seu trabalho criando os textos, títulos e descrições do seu anúncio, invista em imagens de qualidade e que realcem o seu produto.

Se puder utilizar imagens que mostrem o seu produto em uso ou no ambiente em que ele faz sentido, melhor ainda.

Caso não tenha um profissional que te auxilie com essa tarefa, o Canva é uma ferramenta de design gratuita e muito fácil de usar. Você pode utilizar os templates prontos ou se inspirar neles para criar os seus próprios.

Com essas dicas, você já tem condições de começar a fazer os seus anúncios. Chegou o momento de escolhermos onde ele será veiculado.

onde fazer anúncios de e commerce

Onde anunciar?

Se o seu objetivo é trabalhar com tráfego orgânico, investir em SEO e marketing de conteúdo é uma forma excelente de trazer mais pessoas para o seu e-commerce.

Essas estratégias, que fazem parte do Inbound Marketing, são comprovadamente eficientes, mas necessitam de tempo para gerar resultados.

Se o que você precisa é de resultados praticamente imediatos, investir em mídias pagas é a solução recomendada.

Veja as opções mais utilizadas atualmente.

Anúncios no Google Ads

A plataforma de anúncios do Google é amplamente utilizada e não é por acaso. Ainda conhecido pelo seu antigo nome, Google Adwords, essa ferramenta é indicada para quem deseja fazer anúncios na rede de pesquisa do Google e de seus sites parceiros.

O Google Ads oferece vários tipos de campanhas de anúncio, sendo que as mais conhecidas são as de rede de pesquisa e de rede de display.

Também é possível fazer campanhas de remarketing, que é uma estratégia voltada para reforçar o seu anúncio para pessoas que já tiveram contato com ele, aumentando as chances de conversão.

Algumas das vantagens de fazer anúncios no Google Ads são:

  • Anúncios segmentados para públicos-alvo específicos;
  • Custo acessível e de acordo com as possibilidades de cada negócio;
  • Variedade de tipos de campanha;
  • Facilidade em análise de resultados e vinculação com o Google Analytics;
  • Possibilidade de fazer campanhas de remarketing;
  • Resultados em tempo real.

Apesar de ser uma ferramenta considerada amigável e intuitiva para os usuários, sua boa utilização exige conhecimento mais aprofundado. Fazer cursos de Google Ads, ler tutoriais e artigos pode te ajudar nessa missão.

Se quiser saber mais sobre como utilizar o Google Ads, dê uma olhada em nosso artigo Google Ads: O Que É e Como Funciona – Tutorial Passo a Passo.

Anúncios no Facebook Ads

Considerando os mais de 136 milhões brasileiros presentes no Facebook, essa rede social acaba sendo um excelente ambiente para campanhas de anúncios.

Assim como o Google Ads, o Facebook Ads é uma plataforma de anúncios com vários recursos, que possibilita a segmentação de público-alvo e outras configurações, como tipos de anúncios, local para gerar tráfego, dados demográficos, direcionamentos, e mais.

Ao utilizar o Facebook Ads, você pode optar também por veicular seus anúncios no Instagram e Messenger do Facebook.

Para fazer anúncios por lá, no entanto, é preciso se atentar para algumas recomendações:

  • Imagens: considerando o formato da própria rede social, é importante que seus anúncios tenham imagens atrativas, de qualidade e que funcionem para todos os formatos de tela e dispositivos.
  • Textos nas imagens: apesar de não ser mais uma regra, o próprio Facebook aconselha que anunciantes não utilizem textos em excesso nas imagens. Pode ser feito, mas o ideal são imagens com 20% ou menos de texto.
  • Texto do corpo do anúncio: existe um limite de caracteres recomendado. Você pode ultrapassar, mas o Facebook avisa que seus anúncios podem ficar truncados. Para evitar isso, faça títulos de até 40 caracteres, textos principais de até 125 caracteres e descrições de até 30 caracteres.

Outro ponto importante sobre anúncios no Facebook Ads é a utilização do pixel do Facebook, que é um trecho de código que ajuda a mensurar dados do desempenho do seu anúncio e comportamento das pessoas em seu site.

Você pode criar e instalar esse pixel dentro da própria plataforma do Facebook Ads, através do “Gerenciador de Eventos”.

Anúncios no Instagram Ads

Apesar de não ter o mesmo número de usuários que o Facebook, o Instagram é uma rede social utilizada por quase 99 milhões de brasileiros.

Além de ser um local com bons retornos para anunciantes, também é uma ótima ferramenta para desenvolver engajamento e relacionamento mais próximo com seus clientes e potenciais clientes.

O bom de utilizar o Instagram Ads é que seus anúncios podem ser configurados na mesma plataforma do Facebook Ads. As recomendações também são as mesmas para as duas redes sociais.

Mesmo que a plataforma de anúncios seja a mesma, lembre-se que o formato de imagem para cada rede social é diferente.

Ao criar anúncios para o Instagram, procure explorar não somente imagens no feed, como também stories, reels e igtv, além de outros formatos de postagem, como carrossel, imagens animadas e vídeos curtos.

vantagens de anunciar ecommerce

Por que investir em anúncios?

Além da velocidade de resultados, existem mais algumas vantagens de fazer anúncios de e-commerce em mídias pagas.

Maior geração de leads

Ao atrair visitantes para a sua loja virtual, mesmo que eles não comprem nada nessa primeira visita, ainda é possível que entrem para a sua base de leads.

Leads são pessoas que interagem de alguma forma com a sua marca, seja assinando uma newsletter ou preenchendo algum cadastro.

A partir daí, você consegue criar uma lista de contatos que poderá enviar e-mails e promoções de tempos em tempos, sempre incentivando o retorno desse lead ao site.

Maior segmentação de público

Uma das maiores vantagens de plataformas de anúncios como o Google Ads, Facebook Ads, Instagram Ads e similares, é a alta segmentação do público-alvo que elas permitem.

Ao segmentar o público que você quer que seja impactado pelos seus anúncios, você garante que pessoas realmente interessadas nos seus produtos os veja.

Dessa forma, o seu investimento em anúncios será conduzido de forma mais eficiente, com mais chances de trazer bons resultados.

Mais visibilidade para o seu e-commerce

Os anúncios em mídias pagas permitem que seus produtos e sua marca ganhem mais visibilidade, já que elas estarão em uma área de destaque de sites, páginas de pesquisa e redes sociais.

Essa visibilidade acaba contribuindo para o reforço da sua marca na mente de possíveis clientes, preparando-os e incentivando-os para a compra.

Investimento flexível

Se engana quem pensa que investir em anúncios para e-commerce é apenas para grandes empresas de alto orçamento.

Essas plataformas de anúncios possuem modelos bastante flexíveis de cobrança, permitindo que cada anunciante estabeleça valores diários e mensais de acordo com as suas possibilidades.

Credibilidade e Confiança

Anúncios colocam seu e-commerce na fila da frente, chamam a atenção das pessoas e passam maior credibilidade para a sua loja virtual.

O fato de você investir na sua própria marca, mostra que você acredita nela e que possui algo de valor para oferecer para as outras pessoas.

As pessoas sabem reconhecer isso, e acabam tendo mais confiança em adquirir seus produtos.

Agora, para garantir que seu e-commerce continue crescendo, ganhando mais espaço na mente dos clientes e trazendo lucro continuamente, existem alguns pontos que você deve levar em conta antes mesmo de rodar seus anúncios.

Aumente as vendas do seu e-commerce

É inegável a importância e os benefícios de fazer anúncios de qualidade. Com essa ação, você pode trazer novos clientes para a sua loja virtual e conseguir gerar mais vendas.

Mas para que o seu e-commerce consiga reter os clientes e fazer com que eles voltem por conta própria à sua loja virtual, você precisa garantir que seu site funcione bem em vários aspectos.

Para isso, separamos algumas dicas extras para ajudar você a aumentar suas vendas continuamente. Veja a seguir.

Experiência do usuário

O UX (ou experiência do usuário) é um assunto vasto e extremamente importante tanto para o meio digital quanto para o físico.

Por exemplo, ao entrar em uma loja de roupas, você pode até encontrar peças que queira comprar, mas se o ambiente não for agradável, não tiver boa disposição de araras ou ser mal iluminado, há uma grande chance de não só sair sem comprar nada, como nunca mais voltar ali, certo?

O mesmo vale para o seu e-commerce. Seu site é sua loja, e tal como o ambiente físico, ele deve proporcionar uma boa experiência para os usuários.

Por isso, antes mesmo de pensar em anunciar, “organize a casa”. Confira se seu site oferece navegação facilitada e segura para seus usuários.

Design responsivo

Tão importante quanto ter um e-commerce que proporcione uma boa experiência, é ter um site que tenha um design responsivo para todos os tamanhos de telas e dispositivos.

Considerando que muitas pessoas fazem compras pelo celular, garantir que a sua loja virtual carregue bem e rapidamente por lá pode evitar que os usuários saiam sem antes mesmo ver os seus produtos.

Presença online e marketing de conteúdo

É bem verdade que os anúncios em mídias pagas trazem resultados rápidos, e acabam sendo ideais para campanhas de marketing que procuram impulsionar as vendas.

Mas para você não depender apenas de anúncios e construir um laço sólido com clientes e possíveis clientes, recomendamos que invista também em marketing de conteúdo.

Você não precisa estar em todas as redes sociais e em todos os outros ambientes online.

Principalmente para negócios de pequeno e médio porte, que não possuem equipe grande e recursos suficientes para isso, administrar tantas redes é quase impossível.

É preciso levar em conta que cada ambiente na internet (redes sociais, blogs, portais, etc.) possui linguagem própria e públicos diferentes. Então, fazer conteúdo diferente para cada um desses ambientes pode ser inviável.

A nossa dica é: foque nas redes sociais que seu público-alvo está presente.

Dessa forma, você conseguirá dedicar seus esforços em trazer conteúdo relevante para o público que realmente interessa para o seu negócio.

E-mail marketing

Conforme você vai criando sua base de leads, mais contatos vai obtendo para começar a disparar e-mails por meio de ferramentas de automatização de marketing, como o MailChimp e o RD Station.

Crie conteúdos personalizados, oferecendo vantagens e outros benefícios para fazer com que as pessoas retornem para a sua loja virtual.

Esse tipo de ação também favorece o retorno de clientes que, por algum motivo, abandonaram o carrinho de compras.

Inspire-se em grandes sites de e-commerce

Olhar para a concorrência e até mesmo outros sites de e-commerce que já são bem sucedidos, pode ajudar você a ter ideias úteis para a sua própria loja virtual.

Algumas ações como clube de fidelidade, programas de recompensa, cashback e até as avaliações de outras pessoas que já compraram o produto, são frequentemente utilizadas por grandes e-commerces.

Além dessas ideias, você pode se inspirar também na forma como essas marcas fazem seus anúncios e aplicar algumas ações nas suas próprias campanhas.

Faça seus anúncios de e-commerce

Neste artigo, reunimos dicas não somente para você criar seus anúncios de e-commerce, mas como também demos sugestões de onde anunciar, além de outras dicas estruturais voltadas para o fortalecimento da sua loja virtual.

Dependendo das possibilidades da sua empresa, nem todas as dicas podem ser aplicadas. Mas o mais importante é garantir que o que puder ser feito, seja feito com qualidade e atenção, pois só assim garantirá que o dinheiro investido seja bem utilizado.

Para mais dicas sobre anúncios e mídias pagas, acompanhe nosso blog. E se precisar do suporte de uma agência de marketing digital, a Tupiniquim está aqui para você. Entre em contato!

Curtiu o post? Aproveite e compartilhe com amigos e amigas!

Dúvidas Frequentes

Como fazer anúncios para e-commerce?

Faça um planejamento que inclua informações de público-alvo, produtos que deseja anunciar, orçamento, entre outras. Pesquise bem as palavras-chave de forma que elas estejam de acordo com a intenção de busca do usuário. Faça boas CTAs, utilize imagens atrativas e textos que foquem em resolver problemas.

Onde anunciar produtos de e-commerce?

As mídias pagas mais frequentemente utilizadas são: Google Ads, Facebook Ads e Instagram Ads.

Por que fazer anúncios?

Ao fazer anúncios para o seu e-commerce você conseguirá gerar leads, aumentar as vendas, dar mais visibilidade para a sua loja virtual, garantir credibilidade e mais confiança de clientes e atrair o público certo e com mais chances de adquirir os seus produtos.

Newsletter

Cadastre-se e receba novidades e conteúdos relevantes sobre marketing digital e vendas!
1 Step 1
keyboard_arrow_leftPrevious
Nextkeyboard_arrow_right
FormCraft - WordPress form builder

Solicite seu diagnóstico gratuito com nossos especialistas!

1 Step 1
keyboard_arrow_leftPrevious
Nextkeyboard_arrow_right
FormCraft - WordPress form builder

Solicite seu diagnóstico gratuito com nossos especialistas!

1 Step 1
keyboard_arrow_leftPrevious
Nextkeyboard_arrow_right
FormCraft - WordPress form builder