fbpx

No marketing digital tudo pode ser mensurável, desde que você saiba como fazer isso. Aprenda o que são as métricas, qual a importância e quais utilizar para medir os seus esforços!

Se você é gestor(a) ou analista de marketing digital, provavelmente, deve saber o quão importante é ficar de olho nos resultados das suas ações de marketing, não é mesmo?

Mas será que você sabe quais são as métricas mais relevantes para acompanhar? Afinal, medir os resultados é o que vai te ajudar a compreender como está o desempenho das suas ações.

No entanto, analisar as métricas de marketing digital vai muito além do que apenas analisar a quantidade de pessoas que foram atingidas por uma campanha, por exemplo.

A partir da análise de métricas, é possível identificar os ajustes que precisam ser feitos para garantir que as suas estratégias tenham uma boa performance.

Se você não sabe ou ainda tem dúvidas sobre o que são métricas, qual a importância delas e quais analisar, neste post mostraremos tudo o que você precisa saber para medir os seus esforços de maneira eficiente.

Ah! Vale lembrar que se você produz ou possui uma equipe de conteúdo que também deseja acompanhar os resultados dos seus conteúdos, continue a leitura desse artigo.

Veja o que vai aprender sobre as métricas de marketing digital:

O que são métricas de marketing digital?

Uma das primeiras coisas que você precisa ter em mente é que existem diversos tipos de métricas, porém, cada uma com suas particularidades e funções específicas.

Quando falamos sobre métricas de marketing digital, estamos nos referindo às métricas que impactam o seu negócio de alguma forma. Não adianta uma de suas ações atingir diversos potenciais clientes se eles não trouxerem um aumento de vendas, por exemplo.

É muito importante levar em consideração todas as métricas, mas nem todas elas podem ser utilizadas como base para um planejamento de novas estratégias.

As métricas de vaidade são interessantes para identificar número de inscritos em um canal no YouTube, quantidade de seguidores nas redes sociais, curtidas em vídeos, likes em postagens do Facebook ou Instagram, entre outras.

Apesar de ser interessante acompanhar esses dados, eles não são um caminho efetivo para identificar o que deu certo ou errado em uma campanha e o que pode ser melhorado.

Resumindo: as métricas de marketing digital são números que você consegue medir o sucesso e o insucesso das suas ações de marketing, podendo entender qual foi o desempenho de cada uma delas.

Qual a importância das métricas de marketing digital?

Um dos pontos mais importantes das métricas de marketing digital é a possibilidade de otimizar as estratégias.

Acompanhar os dados das suas estratégias é essencial para entender se o seu plano de marketing digital está funcionando.

Dessa forma, será possível aperfeiçoar a comunicação com clientes atuais e em potencial, entender melhor o tipo de conteúdo que a sua persona gosta e até mesmo as call to actions (chamadas para ação) que mais geram conversões.

A partir disso, você também poderá fazer investimentos certeiros, direcionando-os para as ações e campanhas que estão gerando mais resultados e, consequentemente, continuar investindo nelas.

Além disso, a mensuração desses dados permite que você não se baseie em achismos, já que através de ferramentas especificas é possível obter informações detalhadas e valiosas que ajudarão no aprimoramento das suas estratégias.

Já dizia Peter Drucker: “O que pode ser medido, pode ser melhorado”. Sendo assim, analise sempre os seus resultados para que os possíveis gargalos sejam solucionados e para garantir que o seu negócio encontre oportunidades de alcançar o sucesso.

15 principais métricas de marketing digital

Como já dito anteriormente existem diversas métricas de marketing digital. Mas separamos as principais e as que fazem toda diferença para o monitoramento das suas campanhas e ações de marketing. Veja:

1. Taxa de conversão

Independentemente da estratégia que será utilizada, ela sempre buscará atingir um objetivo, certo?

A taxa de conversão serve exatamente para saber o percentual de pessoas que realizaram a ação que se esperava.

Ou seja, o seu objetivo pode ser o preenchimento de um formulário para baixar um e-book, assinatura de newsletter, solicitação de orçamento ou até mesmo a realização de uma compra.

Para calcular a sua taxa de conversão, basta dividir o número de leads ou conversões pelo número de visitantes e multiplicá-los por 100. Por exemplo, se em uma campanha você recebeu 200 leads e 1.000 visitas, a sua taxa de conversão será de 20%.

Usando a fórmula ficaria assim:

conversões ÷ visitantes x 100 = taxa de conversão (%)

200 ÷ 1.000 x 100= 20%

Portanto, a taxa de conversão mostra a porcentagem de visitantes que se tornaram leads ou leads que se tornaram clientes.

2. Taxa de conversão do funil de vendas

Para quem trabalha com as estratégias de Inbound Marketing é fundamental ter conhecimento do funil de vendas de conteúdo. Afinal, é essa ferramenta que vai ilustrar a jornada de compra do lead até ele se tornar um cliente real.

O funil de vendas possui três fases: topo, meio e fundo. Cada uma dessas fases precisa ser trabalhada com atenção para que o usuário avance de uma etapa para outra.

Para que isso seja feito de uma forma eficiente, garantindo que o cliente em potencial passe para a próxima fase, é extremamente importante que você saiba o que irá oferecer para ele em cada etapa.

Por exemplo, na primeira fase do funil o usuário ainda não sabe muito bem o que ele realmente precisa. É aí que você entra em ação para educar o cliente e atrair atenção dele para o seu negócio.

Você pode utilizar estratégias de marketing de conteúdo e SEO para serem os seus aliados durante esse processo de qualificação. Medir os resultados em cada etapa do funil é importante para identificar se as abordagens estão sendo feitas corretamente, tanto pelo time de marketing quanto pelo time de vendas.

Leia também: O que é o funil de vendas de marketing digital? Monte o seu agora mesmo!

3. Taxa de Cliques ou CTR

A taxa de cliques (Click Through Rate), conhecida também como CTR, serve para avaliar o desempenho de alguns elementos das suas campanhas de anúncios ou resultados orgânicos, como: palavras-chave, imagens, criativo do anúncio do Google Ads, Facebook Ads e Instagram Ads, e outros.

Essa métrica de marketing digital pode ser medida a partir do número de visualizações e cliques que o seu anúncio recebeu.

Em outras palavras, se você dividir o número de cliques que o seu anúncio recebeu pelo número de impressões, você conseguirá encontrar o seu CTR em porcentagem: cliques ÷ impressões = CTR.

4. Custo por lead ou CPL

Antes de tudo, você precisa entender o que são leads. Leads são potenciais clientes que interagem de alguma forma com a sua marca, seja por baixarem algum material gratuito ou por solicitarem informações extras sobre o produto ou serviço que a sua empresa oferece.

A geração de leads é essencial para conquistar mais oportunidades de vendas. Por conta disso, também é importante construir um bom relacionamento com os seus potenciais clientes.

No entanto, é preciso ficar de olho no seu custo por lead, já que se o CPL for alto, as conversões de leads em clientes terão que ser muito boas para compensar.

5. Custo por clique ou CPC

Essa métrica de marketing digital é muito importante para entender o desempenho dos seus anúncios.

Através do CPC, é possível identificar o custo de cada clique que o seu anúncio recebe. No caso de testes A/B, essa métrica é interessante para analisar quais das versões estão tendo melhor performance. Dessa forma, você consegue determinar o valor que será investido em cada campanha.

6. Custo de aquisição por cliente ou CAC

O Custo de Aquisição por Cliente (CAC) serve exatamente para entender quanto a sua empresa gasta para conquistar um novo cliente.

Agora, a pergunta que não quer calar: você sabe quanto cada novo cliente custa para o seu negócio? Se a resposta for não, isso pode estar prejudicando a sua empresa.

Fazer a gestão financeira é essencial para garantir que a empresa fature mais e melhore os investimentos. Para isso, é preciso acompanhar e entender os gastos com as estratégias de marketing e vendas da organização. E só calculando o CAC que você vai descobrir isso.

Para calcular essa métrica é necessário incluir todos os gastos como: salários das equipes, investimentos em mídias e campanhas, ferramentas e mais.

Após fazer a soma de todas as despesas, é só dividir o valor pelo número de novos clientes conquistados em um determinado período.

7. Retorno sobre investimento ou ROI

Podemos considerar que essa é umas das métricas de marketing digital mais importantes para qualquer negócio.

Como o próprio nome já sugere, o ROI mostra o retorno obtido sobre o valor investido em uma determinada ação. Ou seja, ele ajuda a identificar se o investimento em uma estratégia está sendo positivo ou não.

Para calcular o ROI, basta dividir o valor de receita obtido pelo valor do investimento.

Por exemplo, se em um determinado período o ganho da sua empresa foi de 5 mil reais e o valor investido 500 reais, utilizando a fórmula, ficaria assim:

ROI: receita – investimento ÷ investimento= retorno sobre o investimento

Utilizando a fórmula com números, temos:

ROI: 5.000 – 500 ÷ 500 = 9

8. Ticket médio

O ticket médio é uma métrica de marketing usada para saber o valor gasto, em média, de cada cliente na sua empresa. É importante considerar o ticket médio mensal, até mesmo para ajudar a entender os serviços ou produtos que são mais rentáveis para o seu negócio.

Além disso, calcular essa métrica é relevante para identificar se o valor do ticket está baixo. Caso isso aconteça, vale utilizar estratégias como o up selling e cross selling para aumentá-lo.

O cross selling conhecido também como venda cruzada, consiste em oferecer um produto ou serviço para complementar a oferta que o cliente adquiriu. Já o up selling, é como se fosse um upgrade. É quando o vendedor oferece uma versão mais avançada ou sofisticada do produto ou serviço que o cliente comprou.

9. Lifetime Value ou LTV

O LTV, conhecido também como lifetime value, refere-se ao valor do tempo de vida do cliente. Essa métrica indica o potencial de lucro e a receita média de cada cliente durante todo o tempo que fazem negócio com a sua marca.

Para uma empresa manter-se saudável financeiramente, o ideal é que o LTV seja três vezes maior que o CAC.

Se você quiser calcular o seu LTV, basta utilizar a seguinte fórmula:

LTV = Ticket médio mensal x Tempo médio de retenção de cada cliente.

10. Tempo gasto na página

Talvez algumas pessoas podem até deixar essa métrica de marketing digital de lado. No entanto, é extremamente relevante saber o tempo gasto de cada visitante dentro da sua página.

Dessa forma, você consegue ter uma noção se os conteúdos do seu site são interessantes para os usuários e usuárias. E a partir disso, é possível identificar e corrigir possíveis erros que impeçam a audiência de passar mais tempo dentro do seu site.

Uma dica para fazer com que os visitantes passem mais tempo navegando pelas suas páginas é usar a estratégia de Link Building nos seus conteúdos.

11. Taxa de abertura de e-mail

A taxa de abertura mostra quantas pessoas clicaram para ler o e-mail disparado. O e-mail marketing ainda é um dos melhores métodos para gerar e nutrir leads, além de manter um relacionamento mais próximo.

Porém, não adianta você ter uma lista gigantesca de leads, se grande parte não abrem os seus e-mails. Por isso, que é muito importante oferecer conteúdos que sejam do interesse da sua audiência para aumentar a taxa de abertura de e-mail.

Outro ponto que também pode ajudar você com essa métrica é excluir da sua base de contatos os leads que não interagem com a sua marca há muito tempo. Assim, você reduz gastos com leads desqualificados e melhora a entrega dos e-mails.

É valido ressaltar que se seus e-mails estiverem caindo na caixa de spam, consequentemente, isso irá refletir em uma taxa de abertura muito menor do que o esperado. Se você não quer cair nessa armadilha, veja as nossas dicas de como evitar que as mensagens da sua empresa caiam na caixa spam.

12. Taxa de cliques em e-mail

Agora que já falamos sobre a taxa de abertura. Vamos falar sobre a taxa de cliques nos e-mails.

Certamente ao enviar um e-mail para os seus leads, espera-se que eles realizarem uma ação, sendo a primeira delas abrir o e-mail, certo?

Mas após a abertura do e-mail, também se espera que os leads realizem alguma outra ação, seja ela clicar em um link de artigo ou em uma landing page de vendas, por exemplo.

Essa métrica serve para analisar quantas pessoas clicaram em algum link ou botão após abrirem o e-mail. Utilize diferentes formatos de call to action para chamar atenção do usuário e incentivá-lo a clicar nos botões.

13. Taxa de rejeição

A taxa de rejeição pode ser identificada pela quantidade de visitantes que entraram em uma página do seu site e em seguida saíram sem visitar outras páginas.

O aumento dessa taxa pode acontecer por alguns problemas de usabilidade, navegabilidade, design, muitos erros ortográficos e outros. Se essa taxa estiver em apenas algumas páginas, dê total atenção a elas para identificar e corrigir os possíveis problemas.

14. Net Promoter Score ou NPS

O NPS ou Net Promoter Score é uma métrica utilizada para avaliar o grau de fidelidade dos clientes de qualquer tipo de empresa.

O objetivo dessa métrica é saber, em uma escala de 0 a 10, o quanto as pessoas recomendariam uma empresa à outras pessoas.

A classificação dessa nota é separada por três grupos diferentes: detratores, neutros e promotores.

Veja como funciona:

Detratores: nota de 0 a 6

São clientes insatisfeitos com o seu produto ou serviço. Estes possuem mais chances de falar mal da empresa nas redes sociais, para pessoas próximas e até em sites como o Reclame Aqui.

Nesses casos, é importante que você entenda os motivos da insatisfação para oferecer as possíveis soluções e tentar evitar esse tipo de atrito com o cliente.

Neutros: nota de 7 a 8

São clientes passivelmente satisfeitos, mas que não são leais e nem engajados com a sua marca. Esse tipo de cliente dificilmente faz recomendação para outras pessoas e não se importa de trocar a sua empresa pela concorrência, caso enxergue uma oferta mais atraente.

Promotores: nota de 9 a 10

Os promotores são clientes totalmente satisfeitos com os seus produtos ou serviços. E muito mais do que gostar e comprar o que a sua empresa oferece, também indicam para outras pessoas.

Esse tipo de cliente é engajado com a marca e participa ativamente das pesquisas e atividades relacionadas à empresa, sempre dando bons feedbacks e sugestões.

15. Índice de Qualidade

O Índice de Qualidade mostra a relevância dos seus anúncios no Google Ads. Essa métrica é uma nota de 1 a 10 utilizada para classificar se o anúncio, palavra-chave e página de destino são relevantes para o usuário.

Essa métrica de marketing digital é importantíssima para que o Google possa determinar a posição do seu anúncio nas páginas de resultados.

Ferramentas para análise de métricas no marketing digital

Existem diversas ferramentas de monitoramento de métricas e muitas delas são pagas ou com versões gratuitas limitadas. Mas a boa notícia é que o próprio Google disponibiliza ferramentas gratuitas para você medir os seus resultados. Veja algumas delas:

Google Analytcs

O Google Analytics é um das ferramentas mais famosas da plataforma Google. Com ela é possível analisar muitas das métricas que citamos aqui como a taxa de conversão, CPL (custo por lead) e outras.

Se você precisa de uma ferramenta completa para monitorar os seus resultados, o Analytics será o seu melhor aliado.

Você pode criar filtros de acordo com suas necessidades, criar lista de público-alvo, fazer análise de funil e muita mais.

Google Ads

O Google Ads, antigo Google Adwords, é a plataforma que exibe os seus anúncios para os usuários quando eles pesquisam empresas como a sua ou pelos produtos que você oferece.

Através dessa ferramenta você consegue acompanhar o CPC (custo por clique). Afinal de contas, você só paga por cada clique que o seu anúncio receber.

Além disso, é possível monitorar o número de visitas no site ou no seu e-commerce e as chamadas recebidas.

Veja no blog: Curso de Google Ads: Os 8 Melhores Cursos para Dominar o Adwords

Google Search Console

Essa ferramenta é perfeita para monitorar o desempenho das suas páginas, podendo analisar a quantidade de cliques, impressões e posição do seu site nas páginas de resultados do Google.

Através dos relatórios que o Google Search Console oferece, é possível medir o tráfego orgânico e a performance do seu site, para que você possa corrigir os devidos problemas que a plataforma aponta.

Dessa forma, você consegue deixar o seu site o mais otimizado possível, garantindo que ele tenha sucesso nas pesquisas do Google.

É hora de medir os seus resultados!

Hoje você aprendeu o quão importante é utilizar as métricas de marketing digital para medir os seus resultados. E não importa qual seja a estratégia utilizada, fazer a mensuração das suas ações sempre será um dos passos primordiais para que o seu negócio tenha sucesso.

O que pode ser medido hoje, pode ser melhorado amanhã. Então não hesite em utilizar todas as métricas que apresentamos neste artigo.

Agora que você já sabe quais métricas analisar e quais as ferramentas que podem te auxiliar nesse processo, é só colocar a mão na massa e começar a criar boas estratégias. Mas, não se esqueça de medir todas elas para fazer os ajustes e melhorias sempre que necessário e, assim, garantir o melhor desempenho.

Precisa de ajuda para as suas ações de marketing gerarem boas métricas? Entre em contato conosco. Somos uma agência de marketing digital com mais de 10 anos de experiência e podemos te ajudar a alcançar os resultados que você espera.

Curtiu o conteúdo? Aproveite e compartilhe!

Dúvidas Frequentes

O que são métricas de marketing digital?

As métricas de marketing digital são números que servem para medir se as suas ações e campanhas de marketing estão sendo eficazes ou não.

Qual a importância de mensurar os resultados?

É muito importante mensurar os resultados para poder identificar as estratégias que estão dando certo ou errado e as que podem ser melhoras. É através das métricas de marketing que é possível otimizar as ações e aperfeiçoar o desempenho delas.

Como saber qual tipo de métrica analisar?

Tudo vai depender do seu objetivo. Se você quiser, por exemplo, saber quanto gasta para conquistar um novo cliente pode utilizar o a métrica CAC que se refere ao Custo de Aquisição por Cliente.

Newsletter

Cadastre-se e receba novidades e conteúdos relevantes sobre marketing digital e vendas!
1 Step 1
keyboard_arrow_leftPrevious
Nextkeyboard_arrow_right
FormCraft - WordPress form builder

Solicite seu diagnóstico gratuito com nossos especialistas!

1 Step 1
keyboard_arrow_leftPrevious
Nextkeyboard_arrow_right
FormCraft - WordPress form builder

Solicite seu diagnóstico gratuito com nossos especialistas!

1 Step 1
keyboard_arrow_leftPrevious
Nextkeyboard_arrow_right
FormCraft - WordPress form builder