fbpx
Nem todos os sites conseguem ser atualizados com a frequência necessária e deixam de acompanhar as inúmeras atualizações dos algoritmos do Google. Por isso, acabam perdendo a sua posição nas primeiras páginas do buscador.

Os algoritmos de busca do Google são atualizados constantemente. São eles que filtram as informações que serão apresentadas nas páginas de resultados e impactam diretamente no ranqueamento do seu site, determinando se ele vai ter uma boa classificação ou não.

Acompanhar as mudanças no algoritmo do Google frequentemente pode ser um processo trabalhoso, mas precisa ser incansável se você quiser alcançar os melhores rankings do buscador.

Essas atualizações podem causar preocupações em profissionais de SEO, já que eles precisam estar sempre atentos aos critérios do Google. O descumprimento desses critérios pode gerar penalizações para os sites.

Como o objeto do algoritmo é analisar todo o conteúdo das páginas, identificando fatores que sejam relevantes para apresentar o melhor resultado, é importante que o seu blog esteja sempre atualizado, inclusive os posts antigos.

Dessa forma, você consegue otimizar o conteúdo do seu site para obter um bom ranqueamento, garantindo uma boa experiencia do usuário na página e evitando possíveis punições.

Neste post você vai descobrir quais foram as atualizações do algoritmo do Google ao longo dos anos e como evitar penalizações no seu site. Continue a leitura!

Navegue e descubra as principais atualizações do Google e suas penalizações

O que é o algoritmo do Google?

O algoritmo do Google é um conjunto de fórmulas que tem como finalidade analisar as milhares de páginas que existem no índice do mecanismo de busca, mostrando as que possuem os conteúdos mais relevantes.

Esses algoritmos transformam perguntas em respostas úteis que correspondem a intenção de busca do usuário. Eles funcionam como um sistema de classificação que analisa fatores como palavra-chave, localidade, usabilidade e qualidade.

Qual a diferença de atualização diária e atualização de core update?

Mesmo que imperceptíveis, as atualizações dos algoritmos do Google acontecem diariamente, com o objetivo de melhorar cada vez mais o UX (experiencia do usuário). Por isso, o Google cria muitos updates e até mesmo novos algoritmos.

Veja a diferença entre as duas atualizações:

Atualização Diária: como o próprio nome já diz, se trata de uma mudança que é feita todos os dias no algoritmo do Google. Essas atualizações geralmente são pequenas e não causam tanto impacto, porém não deixam de ser menos importantes para a se ter melhores resultados.

Core Updates: se trata das grandes atualizações que acontecem no algoritmo ao longo de todos os anos. São essas mudanças que geram impactos mais radicais em diversos sites, fazendo até mesmo com eles percam a sua posição nos resultados orgânicos.

Essas mudanças são realizadas desde o início do Google. Acompanhe abaixo as principais atualizações do algoritmo.

Principais atualizações do algoritmo do Google

Florida (2003)

Primeira grande atualização do Google, com o objetivo de filtrar práticas inadequadas que utilizavam para ter um bom posicionamento.

Panda (2011)

Responsável por punir sites de baixa qualidade, com conteúdos duplicados e sites com muitos anúncios para conteúdo. Essa atualização chegou na Europa em abril de 2011.

Panda 1.0: focado em punir sites que se preocupavam apenas com palavras-chave para ranquear bem no mecanismo de busca e não produziam conteúdos de qualidade.

Panda 2.0: atualização focada em pesquisas em inglês não apenas em países internacionais, mas em todo o mundo.

Panda 2.1: atualização focada em sites com conteúdos relevantes e que se preocupavam com a navegação do usuário.

Panda 3.0: as atualizações começaram a ser feitas com mais frequência, exigindo novos critérios, como atualizar e melhorar conteúdos antigos, criar conteúdos originais, usar boas referência e produzir textos com boa qualidade.

Panda 4.0: essa atualização foi lançada em 2014, impactando o ranqueamento de grandes sites como o eBay e ask.com. Segundo o Search Engine Land, 7,5% das pesquisas em inglês foram afetadas

Penguin (2012)

Responsável por identificar excesso de otimizações no conteúdo, como keyword stuffing (exagero de palavra-chave) e práticas manipuladoras de links building. Assim como o Google Panda, o Penguin passou por melhorias e em 2016 começou a atuar em tempo real.

Hummingbird Update (2013)

Revisão completa do Google, que passou a considerar não só as palavras-chave, mas também gerou mudanças na pesquisa semântica com a utilização de sinônimos, contextos dos termos buscados, localização do usuário e seu histórico de busca.

HTTPS/ SSL Update (2014)

O Google anunciou que os protocolos de segurança seriam considerados como um fator de ranqueamento, incentivando a migração dos sites para HTTPS para tornar a internet mais segura.

Sites que possuem o Certificado SSL (certificado de segurança) impedem a interceptação de dados, pois usam informações criptografadas.

Mobilegeddon (2015)

Essa atualização do algoritmo de busca do Google priorizou pesquisas realizadas a partir de dispositivos móveis. Os sites que não se adaptam a versão mobile pode prejudicar o seu ranqueamento na internet.

RankBrain (2015)

Sistema incorporado ao algoritmo do Google para ajudar na interpretação e apresentação dos resultados, utilizando machine learning (aprendizado de máquina) e inteligência artificial. De acordo com o Google, esse algoritmo é o terceiro fator de ranqueamento mais influente.

AdWords Shake-up (2016)

O Google fez grandes mudanças no AdWords, mais conhecido hoje como Google Ads. Apesar dessa atualização se tratar de pesquisas pagas, houve impactos significativos de CTR ( taxa de cliques) para resultados pagos e orgânicos.

Fred (2017)

Atualização lançada para identificar sites com conteúdo de baixa qualidade e excesso de propagandas nas páginas.

Medic Core Update (2018)

Essa atualização do algoritmo afetou de forma significativa o ranqueamento de alguns sites YMYL (Your Money Your Life), ou seja, impactou principalmente sites do nicho de saúde e finanças no mundo todo.

Os sites YMYL são aqueles com conteúdos que interferem na área da saúde, jurídica e financeira.

Há uma outra expressão chamada de E-A-T que significa expertise, autoridade e confiança. Esse termo se trata de um conjunto de estratégias de SEO que possibilita o seu site ter mais chances de aumentar o tráfego.

Com base nos conceitos de E-A-T os profissionais conseguem entender o que o Google deseja ver em um site em termos de qualidade. Existe um documento no Google chamado Quality Guidelines que aborda as diretrizes do E-A-T.

Bert (2019)

Essa atualização consiste em entender melhor a intenção de busca das pessoas, ou seja, ajuda o Google a interpretar melhor as pesquisas de linguagem natural e a compreender o contexto, gírias, sinônimos e erros ortográficos.

May 2020 Core Update

De acordo com o Google essa é a segunda maior atualização de algoritmo em 2020. A primeira foi lançada em janeiro de 2020. A atualização May 2020 Core Update é direcionada para todos os sites, porém alguns setores sofreram impactos maiores como os da saúde, buscas locais e páginas com conteúdos mais curtos.

O maior objetivo dessa atualização, assim como as outras, é preservar a qualidade do conteúdo. Por isso, é essencial manter o seu blog sempre atualizado com conteúdos relevantes e que atendam a intenção de busca do usuário.

Penalizações do Google

As penalizações do Google geram a queda do seu site nos resultados, caso ele não esteja em conformidade com as regras ou critérios do algoritmo do Google.

Portanto, manter práticas ilegais e mal intencionadas para aumentar o tráfego e garantir um bom posicionamento nas páginas de resultados pode causar penalidades drásticas, como a exclusão do site no buscador.

É possível identificar também quando o site sofre uma penalização mais “leve”, como por exemplo quando perde a sua posição no ranking na SERP (Search Engine Results Page).

Essas penalizações do Google servem para impossibilitar ações desonestas e maliciosas, impedindo que a experiência do usuário seja prejudicada.

Como vimos acima em “atualizações do algoritmo do Google”, para evitar as punições é preciso estar de acordo com as normas do Google e proporcionar conteúdos de qualidade, únicos, relevantes, com links relacionados ao conteúdo e sem excesso de palavras-chave ou palavras-chaves escondidas.

Tipos de penalizações

Veja agora os tipos de penalização do Google:

Manual

É quando um funcionário do Google analisa o site e identifica alguma ação irregular – que está fora das diretrizes do mecanismo de busca. Quando esse tipo de punição acontece, você recebe um alerta através da ferramenta webmaster.

No caso de penalizações manuais, é possível verificar se o seu site atende as diretrizes do Webmaster para corrigir possíveis irregularidades. Depois, você pode fazer um pedido de reconsideração para que o Google analise novamente o site.

Automática

Basicamente é quando o próprio Google identifica técnicas de black hat, que são prática ilícitas e trapaceiras utilizadas para ter um bom ranqueamento nas páginas de resultados.

Se o seu site foi penalizado de forma automática e você já corrigiu as falhas, é preciso ter paciência e esperar que o Google análise a sua página e determine a sua classificação no ranking.

Como sabemos, as atualizações do algoritmo do Google acontecem constantemente e você precisa certificar-se sempre de que o seu site está acompanhando essas mudanças.

É possível também usar plataformas como o Google Analytics para analisar as métrica do seu site. Conte com uma agência especialista para melhorar o desenho das suas estratégias de marketing.

Você está pronto para colocar tudo que aprendeu em prática e não deixar que seu site seja penalizado?

Esperamos que esse post tenha ajudado você a entender como é importante se manter atualizado referente as mudanças dos algoritmos do Google, assim como a importância de sempre atualizar os conteúdos do seu blog ou site.

Todos os sites podem sofrer penalizações nos mecanismos de busca, mas se existem estratégias para que isso não aconteça, por que não as usá-las, não é mesmo?

Se você precisa de ajuda com suas estratégias de Marketing Digital, entre em contato com a Agência Tupiniquim! Somos especialistas em Google e podemos te ajudar com as atualizações necessárias para corrigir o seu site, o quem sabe até criar um novo!

Gostou deste conteúdo? Compartilhe este post com seus amigos!

Newsletter

Cadastre-se e receba novidades e conteúdos relevantes sobre marketing digital e vendas!
1 Step 1
keyboard_arrow_leftPrevious
Nextkeyboard_arrow_right
FormCraft - WordPress form builder

Solicite seu diagnóstico gratuito com nossos especialistas!

1 Step 1
keyboard_arrow_leftPrevious
Nextkeyboard_arrow_right
FormCraft - WordPress form builder

Solicite seu diagnóstico gratuito com nossos especialistas!

1 Step 1
keyboard_arrow_leftPrevious
Nextkeyboard_arrow_right
FormCraft - WordPress form builder